Bem-Vindo, Visitante
Username: Password: Lembrar-me

TÓPICO: CBR 250 R

CBR 250 R 15 Jun 2014 22:27 #76

  • PernalongaBA
  • PernalongaBA's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 31
  • Thank you received: 3
Wendell escreveu:
Olá a todos.
Da mesma forma que a opinião de outras pessoas me ajudaram na decisão, darei a minha.
Primeiro, gostaria de listar as motos que já tive e já andei.
Já tive/tenho: Biz 100, Fan 125, Kansas, YS 250, YS LE 250, Ténéré 250, Intruder 125, Comet GT250R, YS 250, Intruder, Bandit 650S (13~), Cbr250r (14~)
Já andei: XRE 300, Ninja 250, 750 GSXF

Agora vou relatar a razão da escolha.
Resolvi comprar um imóvel e por isso quis reduzir os custos, logo, resolvi vender a bandit e a intruder e comprar uma moto mediana mais barata/econômica e usar como moto única - trabalho/viagens curtas/médias.
Partindo desta ideia, pesquisei por todas as 250/300 do mercado. Comecei filtrando pelas marcas, eliminando as que não "confio". Depois comecei eliminando as motos que esteticamente não me agradam. Por fim fiquei com uma lista pequena de motos que me interessariam E me atenderiam. Dentre elas, XRE, Fazer, Cbr e Ninja 250/300.
Por fim, fiz o que “todos” fazem quando vão comprar uma moto... colocam na balança quais são os fatores mais importantes. No meu caso, queria uma moto que servisse para trabalho, viagens curtas/médias, fosse relativamente econômica e oferecesse um mínimo de conforto para a carona (minha namorada). O fator “custo de manutenção” pesa na decisão, mas no meu caso não era um fator decisivo.
Após pesquisa inicial, eliminei a XRE pois tive 4 amigos/conhecidos que tiveram suas XRE roubadas, o índice de roubo desta moto é alto e desconsiderei. Logo depois desconsiderei a Ninja 250/300 pois minha namorada achou muito desconfortável tanto pela posição, quanto pela falta de uma alça quanto também pelo fato de ter que carregar mochila nas costas.
A “grande final” foi entre a Fazer e a Cbr. Fiquei em dúvida, vi algumas Fazer e 2 cbr. No final o que decidiu foi o fator estético mesmo. Tanto minha namorada, quanto eu, quanto minhas primas (que opinaram) acharam a cbr mais bonita.

Mas a cbr é melhor?
Depende do que procura!!!
Por exemplo, numa comparação direta com a cbr:
. a Fazer tem custo de manutenção menor, freios de eficiências um pouco inferior, suspensão identicamente dura/firme, consumo bem próximo, índice de roubo alto, velocidade final inferior.
. a ninja tem custo de manutenção maior, consome mais, velocidade final um pouco superior, suspensão identicamente dura/firme, freios com eficiências próximas, não tem alça (logo, também, não tem base para baú), é a menos visada para roubo e a mais desconfortável para o carona.
. a XRE é a mais confortável para ambos, consumo similar, eficiência dos freios um pouco inferior, índice de roubo altíssimo, custo de manutenção menor, velocidade final um pouco inferior.
Assim como no meu caso, cada um pondera sobre quais são os fatores mais importantes para ele na escolha de sua moto.

Mas a cbr é boa?
Sim!!! É uma moto importada, voltada para o mercado asiático e europeu e por consequência de qualidade superior a muitas outras produzidas aqui.
Esteticamente é muito bonita, relativamente confortável para ambos, é bem econômica, não tem custo de manutenção muito superior às concorrentes nacionais (na média)(excluindo as ninjas e comet que tem custo maior), anda um pouco mais que as concorrentes nacionais (excluindo as ninjas), é possível colocar baú nela (para quem viaja), tem muitas concessionárias Honda, tem peças no mercado paralelo e importadas, tem freios bem eficientes, é MUITO leve e muito fácil de conduzir.
Em contrapartida o fato da suspensão ser dura/firme não ajuda com a coluna e algumas poucas peças tem um valor salgado.

E o custo/benefício numa moto de 17 mil?
Bom... eu paguei 12 mil na minha. Comprei semi-nova com 3900 km rodados. EU não pagaria 16~17 mil numa cbr zero como também não pagaria 17~19 pela ninja zero. Destas acima citadas, a que tem melhor custo benefício sendo zero é a Fazer (12.600).
Mas ter melhor custo/benefício não é ter melhor tecnologia, não é ser mais bonita, não é andar mais. Logo EU prefiro pagar 12 mil numa semi-nova com esses “adicionais” que 12.600 numa zero sem eles.

Como disse, desde o início, vai de cada um. Mas falar que é cbr é uma moto xoxa ou ruim é tão ridículo quanto justificar o preço que cobram por ela zero no Lisarb.

Excelente post, amigo.
Faltou apenas umas fotos da motoca.
Abraço
O sonho de minha Harley cada vez mais próximo

Ex: Bros 150 2013 -Jessica (Alba)
Atual: Ténéré 250 2014 - Gisele (Bundchen)
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.


CBR 250 R 16 Jun 2014 08:55 #77

  • Wendell
  • Wendell's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 477
  • Thank you received: 32
jpelisoli escreveu:
PRA QUE fazer motos super potentes, que ultrapassam os 200 km/h, se é ilegal chegar nessa velocidade?

Pra que fazer carros super potentes? Podíamos andar todos com diferentes modelos de carro mas com motores 1.0, não? Ou podíamos ter diferentes modelos de motos mas todas com motor 125cc, não? :sick: :sick: :dry: :pinch:
Biz 100, Fan 125, Kansas , YS 250 , YS LE 250, Ténéré 250, Intruder 125, Comet GT250R, YS 250, Intruder, B650S (13~), Cbr250r (14~)
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 16 Jun 2014 09:39 #78

  • ezenecon
  • ezenecon's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Expert
  • Postagens: 2799
  • Thank you received: 457
Wendell escreveu:
jpelisoli escreveu:
PRA QUE fazer motos super potentes, que ultrapassam os 200 km/h, se é ilegal chegar nessa velocidade?

Pra que fazer carros super potentes? Podíamos andar todos com diferentes modelos de carro mas com motores 1.0, não? Ou podíamos ter diferentes modelos de motos mas todas com motor 125cc, não? :sick: :sick: :dry: :pinch:

Na verdade, os dois estão certos!

Jpelisoli, não é só a velocidade final da moto que deveria contar, mas o conforto, a segurança de ter um motor mais forte para sair de uma encrenca (como um caminhão te empurrando numa descida, ou mesmo numa subida), etc. etc. Além de que é essa ambição do "ter" é que movimenta a humanidade!!!

Por outro lado, diferente dos donos de "carrões", os dono de motos, digamos, "mais potentes" estão sempre acima dos limites de velocidade, o que não acontece com os "carrões". Sim, vemos muitos carros acima do limite, mas alguns deles são 1.0 andando no limite dele, próximo dos 140/150 (com o motorista sozinho) e não apenas as Ferraris, Posches, Camaros, etc., etc., etc.,

Eu acho que falta bom senso em saber que estrada não é pista e não deve ser usada como tal.

Porém, tão perigoso quanto andar a 200 km/h é andar a 80 km/h quando o fluxo está a 120 km/h, velocidade que muitas motos não atingem.

O correto é andar seguindo o fluxo, seja à 80 ou 90 km/h, seja à 120/130 km/h. ;)
Ezenecon

2º ENM, eu também FUI!!!!!!
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 16 Jun 2014 09:47 #79

  • Wendell
  • Wendell's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 477
  • Thank you received: 32
Não é só motor mais forte... é paixão!!!!!!

Acha que comprei a bandit porque? Porque chega a quase 250km/h? Ou porque tem motor mais forte numa ultrapassagem?

Muitas bi-cilíndricas que existem no mercado me atenderiam. Não precisaria da bandit.

Alguns compram moto por necessidade, outros por paixão. O que me moveu a comprar a bandit foi paixão, não necessidade.

E todo apaixonado gosta de saber e curtir detalhes de sua moto/carro.

Logo, mesmo que nunca chegue a velocidade máxima dela, quem não gostaria de saber onde ela pode chegar?

O nome disso é paixão.

Agora... realmente... muitos cometem imprudências por "paixão por velocidade" - por exemplo.
Biz 100, Fan 125, Kansas , YS 250 , YS LE 250, Ténéré 250, Intruder 125, Comet GT250R, YS 250, Intruder, B650S (13~), Cbr250r (14~)
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 16 Jun 2014 12:16 #80

  • MANDRUVADOIDAO
  • MANDRUVADOIDAO's Avatar
  • OFFLINE
  • Mega Forista
  • Postagens: 28692
  • Thank you received: 551
Eu sonho em comprar uma BANDIT porque ela "é" a BANDIT.

Antes eu sonhava em andar de moto.
Quando comprei moto meu sonho se tornou a BANDIT.
Movimentando o MOTONLINE desde Sexta-Feira, 14 Agosto 2009 as 13:35

Sô minêru uai sô!!!
Caboclo du bão.
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 16 Jun 2014 16:15 #81

  • jpelisoli
  • jpelisoli's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 26
  • Thank you received: 2
Concordo com você Wendell, quem não queria ter uma Bandit linda? Eu mesmo queria muito!

Só expressei minha opinião pelo fato de muitas pessoas quererem que uma moto que não foi desenvolvida para o propósito de ser realmente uma esportiva, ter o desempenho de uma tal, a ninja sim foi a única moto de baixa cilindrada realmente projetada para ser uma esportiva...mas para mim não serviria, pois é uma moto que bebe DEMAIS para uma 250cc, torque ridículo em baixas rotações, é um pau de dura e sequer tem como instalar um baú para colocar minhas tranqueiras de viagem :P

É a mesma coisa que eu pegar minha CG e querer que ela chegue a 150 por hora...ela não foi projetada para isso, ela foi projetada para que você encha o tanque dela e nunca mais por gasolina na vida hahahha....ou seja, ser econômica. Velocidade pra ela é no máximo 100 km/h.

Outra coisa, tem muita gente também que fala que "só ultrapassa os lerdões", mas quando você vai perguntar constata que os "lerdões" estão andando no limite de velocidade da rodovia. É tudo uma questão de educação, sei que tem muita gente aqui que tem motos potentes e são responsáveis, mas convenhamos, a IMENSA maioria das pessoas que compram uma moto um pouco mais potente não tem um pingo de responsabilidade e querem "colar o ponteiro".

Acho que também da mesma forma que agora freios ABS e airbags são obrigatórios nos carros, pelo menos os freios ABS deveriam ser obrigatórios nas motos...evitariam muitos acidentes. E isso desde a moto menos potente até a mais potente, pois qualquer moto seja ela qual for consegue chegar a 90 km/h, o que é uma velocidade que já é praticamente fatal. Hoje nem os freios à disco são.
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.


CBR 250 R 16 Jun 2014 17:47 #82

  • Mackenzie
  • Mackenzie's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Junior
  • Postagens: 594
  • Thank you received: 104
Se nós analisarmos a necessidade, uma moto de 250 cilindradas está de bom tamanho, talvez uma Falcon 400 seria o ideal.Acima disso é o sonho que fala mais alto, e não há nada de errado nisso. A minha fazer 250 me atende perfeitamente, mas teria com certeza uma Bandit, Hornet, R1, Hayabusa etc,
Atual: Heritage Custom 2008 33.000km
Haojue Lindy 125 2018 35km
Ex: Z 750 2012 Preta 22.000km
Ex Fazer 250 2011 Roxa - 55.000km
Ex: Suzuki Intruder 125 2011 - 21.500km
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 16 Jun 2014 17:50 #83

  • Mackenzie
  • Mackenzie's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Junior
  • Postagens: 594
  • Thank you received: 104
Ah, e voltando ao tópico, eu acho que a CBR 250 é a moto perfeita pra quem quer uma moto menos esportiva e mais confortável, mas ainda mantendo o visual esportivo e agressivo que muita gente gosta.
Atual: Heritage Custom 2008 33.000km
Haojue Lindy 125 2018 35km
Ex: Z 750 2012 Preta 22.000km
Ex Fazer 250 2011 Roxa - 55.000km
Ex: Suzuki Intruder 125 2011 - 21.500km
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 16 Jun 2014 21:05 #84

  • vandeco
  • vandeco's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Sênior
  • Postagens: 1094
  • Thank you received: 147
Wendell escreveu:
Não é só motor mais forte... é paixão!!!!!!

Acha que comprei a bandit porque? Porque chega a quase 250km/h? Ou porque tem motor mais forte numa ultrapassagem?

Muitas bi-cilíndricas que existem no mercado me atenderiam. Não precisaria da bandit.

Alguns compram moto por necessidade, outros por paixão. O que me moveu a comprar a bandit foi paixão, não necessidade.

E todo apaixonado gosta de saber e curtir detalhes de sua moto/carro.

Logo, mesmo que nunca chegue a velocidade máxima dela, quem não gostaria de saber onde ela pode chegar?

O nome disso é paixão.

Agora... realmente... muitos cometem imprudências por "paixão por velocidade" - por exemplo.

Eu confesso que desanimei um pouco da Bandida depois que andei " conversando " com doutor Wendell sobre o consumo da mesma. 15km/L a 130km/h achei muito beberrona. Mas se eu vier a compra-la. A minha velocidade de cruzeiro será no máximo 130km/h. É claro que de vez em quando darei uns tirinhos, mas só de vez em quando mesmo. :)
"Vinde a mim todos os que estão cansados e oprimidos e eu vos aliviarei" Senhor Jesus
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 05 Jan 2015 12:25 #85

  • Wemerson
  • Wemerson's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 3
  • Thank you received: 2
Pessal, bom dia!
Sou novo no forum, não tenho moto, mas já estou providenciando isso!
Lí todas opiniões dadas aqui sobre esta moto, e não iria dar a minha opinião se não estivesse interessado em adquirir uma moto do tipo.
A princípio vou explicar porque cheguei até este forum e até esta moto.
Meu estilo não é este, é custom, mas a custom que quero eu não R$ para adiquiri-la.
Então comecei a "eliminar" motos e como não sou apaixonado pelo estilo speed e sou mais "tiozão" foi fácil eliminar algumas motos.
É obvio que se fosse por velocidade escolheria as Ninjas, mas acredito que escoher uma moto sem paixão você acaba observando outras coisas.
Mas porque não irei adquirir uma Ninja?
Estou no DF e aqui existe somente uma CC (tinha outra em Taguatinga, faliu) Kawa na parte nobre do DF, ou seja, longe (muito longe, 37km só de ida) da minha casa. já Honda tem em qualquer buraco, só perto de casa tem 3 CCs (Ceilândia, Taguatinga e Samambaia). (também ouvi opiniões de amigos que são de motoclube para chegar a esta decisão)
As peças da Kawa são bem mais caras que da Honda (aqui no DF são) e não são todas as lojas de "paralelas" que tem todas as peças.
Por esse motivo acredito que a Ninja não seja a mais vendida no Brasil, mas acredito que ela é a mais vendida onde tem Kawa. A final, como um boy do interior compra uma Ninja e tem que ir até a Capital para dar um trato na magrela?
Eliminei Yamaha por ela não possui uma moto (ainda, pois está para lançar em 2015 uma 300) nessa faixa de preço que me agrade e não gosto do estilo YBR, Titam, Bross, Lander. A CB 300 é esteticamente parecida com a Titam (tenho raiva disso) e muito visada para roubo.
Revenda, aqui no DF a Honda tem mais revenda, exatamente pelos motivos que citei acima (opinião da galara do motoclube).
Minha moto dos sonhos é uma Yamaha Midnight (600 tá bom), mas enquanto as condições financeiras não são suficientes vou trilhando o caminha por motos "comerciais" até chegar na minha paixão.
Pela paixão sim, compraria uma m.. qualquer só pra me sentir bem, sem pensar que estaria perdendo dinheiro ou com o motor mais ou menos forte ou fraco...
Sem mais delongas, um abraço a todos!
Se alguém for do DF e puder me dar outra visão (ou concordar), desde já, obrigado!
Última Edição: 05 Jan 2015 12:27 por Wemerson.
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 28 Fev 2015 17:52 #86

  • vandeco
  • vandeco's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Sênior
  • Postagens: 1094
  • Thank you received: 147
Dei uma volta em uma de um colega e achei a moto ótima: bom torque, é bem menos dura do que eu imaginava, posição não muito esportiva. Tenho até vontade de comprar uma.
"Vinde a mim todos os que estão cansados e oprimidos e eu vos aliviarei" Senhor Jesus
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 03 Mar 2015 15:37 #87

  • Nobre
  • Nobre's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 385
  • Thank you received: 53
Tbm andei na CBR de um amigo e gostei bastante, seria ótimo ver esse motor no lugar dos atuais de 291cm³ arrefecidos a ar que tendem a trincar cabeçote!
Atual: Kawasaki ER-6n
Honda Fan 150 Esi
Yamaha Crypton 105
Montes Claros - MG
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 03 Dez 2015 20:27 #88

Falaê pessoal. Estou pesquisando a minha primeira moto e entre elas, a ninja 250 e cbr250. Vi varios videos falando bem das duas motos e sei q elas tem propósitos diferentes. Pegaria a ninjinha se nao fosse pelo fato de ter a manutenção cara e de ter ouvido q p garupa é ruim . tenho esposa e ela precisa ter pelo menos um pouco de conforto rs.
Quem tem a cbr, responda p mim por favor.
A garupa da cbr é muito ruim?
É difícil encontrar as peças hj em dia?
Ela é muito visada pelos bandidos?
Preciso saber muito disso pq é oq vai definir a minha compra. Conto com a ajuda de vcs.vlw!!!
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 03 Dez 2015 21:39 #89

  • Wendell
  • Wendell's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 477
  • Thank you received: 32
Passei pela mesma situação. Escolhi a cbr pelas mesmas razões, carona e custo.

A garupa da cbr não é confortável como uma bigtrail, longe disso, mas com certeza é melhor que a da ninjinha.

As peças para manutenção cotidiana acha no mercado paralelo tranquilamente. Mas se caísse (por exemplo, com certeza não acontecerá) a honda tem todas as peças em estoque e as concessionárias recebem as peças que não tem em estoque em até 30 dias vindas de manaus.

Não acredito que seja visada por bandidos e o principal motivo é exatamente esse, algumas peças só serem encontradas na concessionária.

Grande abraço!
Biz 100, Fan 125, Kansas , YS 250 , YS LE 250, Ténéré 250, Intruder 125, Comet GT250R, YS 250, Intruder, B650S (13~), Cbr250r (14~)
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 04 Dez 2015 00:55 #90

Vlw Wendell. Obg pela resposta!
Pode ter certeza q ajudou bastante mano.
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.
Time to create page: 0.961 seconds