Bem-Vindo, Visitante
Username: Password: Lembrar-me

TÓPICO: CBR 250 R

CBR 250 R 04 Jun 2014 16:56 #61

  • Wendell
  • Wendell's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 477
  • Thank you received: 32
Olá a todos.
Da mesma forma que a opinião de outras pessoas me ajudaram na decisão, darei a minha.
Primeiro, gostaria de listar as motos que já tive e já andei.
Já tive/tenho: Biz 100, Fan 125, Kansas, YS 250, YS LE 250, Ténéré 250, Intruder 125, Comet GT250R, YS 250, Intruder, Bandit 650S (13~), Cbr250r (14~)
Já andei: XRE 300, Ninja 250, 750 GSXF

Agora vou relatar a razão da escolha.
Resolvi comprar um imóvel e por isso quis reduzir os custos, logo, resolvi vender a bandit e a intruder e comprar uma moto mediana mais barata/econômica e usar como moto única - trabalho/viagens curtas/médias.
Partindo desta ideia, pesquisei por todas as 250/300 do mercado. Comecei filtrando pelas marcas, eliminando as que não "confio". Depois comecei eliminando as motos que esteticamente não me agradam. Por fim fiquei com uma lista pequena de motos que me interessariam E me atenderiam. Dentre elas, XRE, Fazer, Cbr e Ninja 250/300.
Por fim, fiz o que “todos” fazem quando vão comprar uma moto... colocam na balança quais são os fatores mais importantes. No meu caso, queria uma moto que servisse para trabalho, viagens curtas/médias, fosse relativamente econômica e oferecesse um mínimo de conforto para a carona (minha namorada). O fator “custo de manutenção” pesa na decisão, mas no meu caso não era um fator decisivo.
Após pesquisa inicial, eliminei a XRE pois tive 4 amigos/conhecidos que tiveram suas XRE roubadas, o índice de roubo desta moto é alto e desconsiderei. Logo depois desconsiderei a Ninja 250/300 pois minha namorada achou muito desconfortável tanto pela posição, quanto pela falta de uma alça quanto também pelo fato de ter que carregar mochila nas costas.
A “grande final” foi entre a Fazer e a Cbr. Fiquei em dúvida, vi algumas Fazer e 2 cbr. No final o que decidiu foi o fator estético mesmo. Tanto minha namorada, quanto eu, quanto minhas primas (que opinaram) acharam a cbr mais bonita.

Mas a cbr é melhor?
Depende do que procura!!!
Por exemplo, numa comparação direta com a cbr:
. a Fazer tem custo de manutenção menor, freios de eficiências um pouco inferior, suspensão identicamente dura/firme, consumo bem próximo, índice de roubo alto, velocidade final inferior.
. a ninja tem custo de manutenção maior, consome mais, velocidade final um pouco superior, suspensão identicamente dura/firme, freios com eficiências próximas, não tem alça (logo, também, não tem base para baú), é a menos visada para roubo e a mais desconfortável para o carona.
. a XRE é a mais confortável para ambos, consumo similar, eficiência dos freios um pouco inferior, índice de roubo altíssimo, custo de manutenção menor, velocidade final um pouco inferior.
Assim como no meu caso, cada um pondera sobre quais são os fatores mais importantes para ele na escolha de sua moto.

Mas a cbr é boa?
Sim!!! É uma moto importada, voltada para o mercado asiático e europeu e por consequência de qualidade superior a muitas outras produzidas aqui.
Esteticamente é muito bonita, relativamente confortável para ambos, é bem econômica, não tem custo de manutenção muito superior às concorrentes nacionais (na média)(excluindo as ninjas e comet que tem custo maior), anda um pouco mais que as concorrentes nacionais (excluindo as ninjas), é possível colocar baú nela (para quem viaja), tem muitas concessionárias Honda, tem peças no mercado paralelo e importadas, tem freios bem eficientes, é MUITO leve e muito fácil de conduzir.
Em contrapartida o fato da suspensão ser dura/firme não ajuda com a coluna e algumas poucas peças tem um valor salgado.

E o custo/benefício numa moto de 17 mil?
Bom... eu paguei 12 mil na minha. Comprei semi-nova com 3900 km rodados. EU não pagaria 16~17 mil numa cbr zero como também não pagaria 17~19 pela ninja zero. Destas acima citadas, a que tem melhor custo benefício sendo zero é a Fazer (12.600).
Mas ter melhor custo/benefício não é ter melhor tecnologia, não é ser mais bonita, não é andar mais. Logo EU prefiro pagar 12 mil numa semi-nova com esses “adicionais” que 12.600 numa zero sem eles.

Como disse, desde o início, vai de cada um. Mas falar que é cbr é uma moto xoxa ou ruim é tão ridículo quanto justificar o preço que cobram por ela zero no Lisarb.
Biz 100, Fan 125, Kansas , YS 250 , YS LE 250, Ténéré 250, Intruder 125, Comet GT250R, YS 250, Intruder, B650S (13~), Cbr250r (14~)
Última Edição: 04 Jun 2014 17:00 por Wendell.
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.
Os seguintes usuários disseram Obrigado: HenriqueFaenello.


CBR 250 R 05 Jun 2014 17:23 #62

  • jpelisoli
  • jpelisoli's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 26
  • Thank you received: 2
Wendell escreveu:
Olá a todos.
Da mesma forma que a opinião de outras pessoas me ajudaram na decisão, darei a minha.
Primeiro, gostaria de listar as motos que já tive e já andei.
Já tive/tenho: Biz 100, Fan 125, Kansas, YS 250, YS LE 250, Ténéré 250, Intruder 125, Comet GT250R, YS 250, Intruder, Bandit 650S (13~), Cbr250r (14~)
Já andei: XRE 300, Ninja 250, 750 GSXF

Agora vou relatar a razão da escolha.
Resolvi comprar um imóvel e por isso quis reduzir os custos, logo, resolvi vender a bandit e a intruder e comprar uma moto mediana mais barata/econômica e usar como moto única - trabalho/viagens curtas/médias.
Partindo desta ideia, pesquisei por todas as 250/300 do mercado. Comecei filtrando pelas marcas, eliminando as que não "confio". Depois comecei eliminando as motos que esteticamente não me agradam. Por fim fiquei com uma lista pequena de motos que me interessariam E me atenderiam. Dentre elas, XRE, Fazer, Cbr e Ninja 250/300.
Por fim, fiz o que “todos” fazem quando vão comprar uma moto... colocam na balança quais são os fatores mais importantes. No meu caso, queria uma moto que servisse para trabalho, viagens curtas/médias, fosse relativamente econômica e oferecesse um mínimo de conforto para a carona (minha namorada). O fator “custo de manutenção” pesa na decisão, mas no meu caso não era um fator decisivo.
Após pesquisa inicial, eliminei a XRE pois tive 4 amigos/conhecidos que tiveram suas XRE roubadas, o índice de roubo desta moto é alto e desconsiderei. Logo depois desconsiderei a Ninja 250/300 pois minha namorada achou muito desconfortável tanto pela posição, quanto pela falta de uma alça quanto também pelo fato de ter que carregar mochila nas costas.
A “grande final” foi entre a Fazer e a Cbr. Fiquei em dúvida, vi algumas Fazer e 2 cbr. No final o que decidiu foi o fator estético mesmo. Tanto minha namorada, quanto eu, quanto minhas primas (que opinaram) acharam a cbr mais bonita.

Mas a cbr é melhor?
Depende do que procura!!!
Por exemplo, numa comparação direta com a cbr:
. a Fazer tem custo de manutenção menor, freios de eficiências um pouco inferior, suspensão identicamente dura/firme, consumo bem próximo, índice de roubo alto, velocidade final inferior.
. a ninja tem custo de manutenção maior, consome mais, velocidade final um pouco superior, suspensão identicamente dura/firme, freios com eficiências próximas, não tem alça (logo, também, não tem base para baú), é a menos visada para roubo e a mais desconfortável para o carona.
. a XRE é a mais confortável para ambos, consumo similar, eficiência dos freios um pouco inferior, índice de roubo altíssimo, custo de manutenção menor, velocidade final um pouco inferior.
Assim como no meu caso, cada um pondera sobre quais são os fatores mais importantes para ele na escolha de sua moto.

Mas a cbr é boa?
Sim!!! É uma moto importada, voltada para o mercado asiático e europeu e por consequência de qualidade superior a muitas outras produzidas aqui.
Esteticamente é muito bonita, relativamente confortável para ambos, é bem econômica, não tem custo de manutenção muito superior às concorrentes nacionais (na média)(excluindo as ninjas e comet que tem custo maior), anda um pouco mais que as concorrentes nacionais (excluindo as ninjas), é possível colocar baú nela (para quem viaja), tem muitas concessionárias Honda, tem peças no mercado paralelo e importadas, tem freios bem eficientes, é MUITO leve e muito fácil de conduzir.
Em contrapartida o fato da suspensão ser dura/firme não ajuda com a coluna e algumas poucas peças tem um valor salgado.

E o custo/benefício numa moto de 17 mil?
Bom... eu paguei 12 mil na minha. Comprei semi-nova com 3900 km rodados. EU não pagaria 16~17 mil numa cbr zero como também não pagaria 17~19 pela ninja zero. Destas acima citadas, a que tem melhor custo benefício sendo zero é a Fazer (12.600).
Mas ter melhor custo/benefício não é ter melhor tecnologia, não é ser mais bonita, não é andar mais. Logo EU prefiro pagar 12 mil numa semi-nova com esses “adicionais” que 12.600 numa zero sem eles.

Como disse, desde o início, vai de cada um. Mas falar que é cbr é uma moto xoxa ou ruim é tão ridículo quanto justificar o preço que cobram por ela zero no Lisarb.

Excelente escolha! Parabéns!

Quanto ao consumo, você ainda não fez nenhuma média? Acredito que ela deve ser até mais econômica que a Fazer, por que ela tem a mesma cilindrada, só que a relação da cbr é mais longa devido a maior potência! Ela deve fazer uns 34 km/l andando na boa (já que a Fazer chega até uns 32 km/l (experiência própria))!

Aguardo ansioso pelas suas experiências! :D
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 05 Jun 2014 23:18 #63

Também possua uma CBR 250r, e pelo o que eu li, o ronco dela não é ruim não. Ao ligar ela na lenta você sente mesmo aquele ronco de motocicletas que estamos a ouvir no dia a dia, mas a partir dos 6500 7000rpm ela muda completamente o ronco. Tem muita gente falando mal dela sem testar.
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 05 Jun 2014 23:37 #64

  • Wendell
  • Wendell's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 477
  • Thank you received: 32
Com relação a consumo.. já fiz de 25km/l (duas pessoas + mochila pesada nas costas apoiando na moto + tanque cheio na estrada a 120km/h) a 30 km/l (uma pessoa + tanque cheio - na estrada a 110km/h). A média é de 27~28km/l tanto na cidade quanto na estrada, a mesma média que fazia nas 3 Fazer que tive.

Acredito que a cbr seja mais econômica sim pois possui mais tecnologia, menos peso e menos arrasto aerodinâmico, porém a diferença será bem pequena da Fazer.
Biz 100, Fan 125, Kansas , YS 250 , YS LE 250, Ténéré 250, Intruder 125, Comet GT250R, YS 250, Intruder, B650S (13~), Cbr250r (14~)
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 05 Jun 2014 23:46 #65

  • Wendell
  • Wendell's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 477
  • Thank you received: 32
Henrique.Faenello escreveu:
Também possua uma CBR 250r, e pelo o que eu li, o ronco dela não é ruim não. Ao ligar ela na lenta você sente mesmo aquele ronco de motocicletas que estamos a ouvir no dia a dia, mas a partir dos 6500 7000rpm ela muda completamente o ronco. Tem muita gente falando mal dela sem testar.

Cara, como disse, toda moto tem suas qualidades e defeitos. Mas uma das coisas que mais gostei na cbr foi o baixo índice de ruido dela na estrada até cerca de 120~130km/h. "Só" escutava o som do vento e o arrasto dos pneus. Muito baixo o ruido do motor, até porque a carenagem ajuda a abafar.

A Fazer, apesar de ter um motor confiável, durável e o cilindro de cerâmica - tecnologia também utilizada na R1 - faz um barulho de ferro batido desgraçado.

O som do motor da cbr é bem agradável sim, mais agradável que os da xre, cb300r, Fazer e afins. Mas ainda acho o da ninja e comet gtr (ambas bi-cilíndricas) melhores.

Difícil comparar o som de uma bi-cilíndrica com uma mono, apesar, como disse, do da cbr ser bem agradável. Como também é bem difícil, para não dizer impossível, comparar a de uma bi com uma tetra (piada).
Biz 100, Fan 125, Kansas , YS 250 , YS LE 250, Ténéré 250, Intruder 125, Comet GT250R, YS 250, Intruder, B650S (13~), Cbr250r (14~)
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 06 Jun 2014 00:10 #66

  • jpelisoli
  • jpelisoli's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 26
  • Thank you received: 2
A bolha dela ajuda em algo? :)
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.


CBR 250 R 09 Jun 2014 23:17 #67

  • Wendell
  • Wendell's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 477
  • Thank you received: 32
jpelisoli escreveu:
A bolha dela ajuda em algo? :)

Normalmente a bolha é utilizada em "altas" velocidades. Dependendo da direção do vento a bolha começa a ser útil na faixa dos 130~140km/h. A partir daí ou enfrenta o vento de peito aberto ou "entra" atrás da bolha.

A bolha dela é mais inclinada que a da bandit, porém a funcionalidade/finalidade é a mesma. Em ambos os casos, a partir de determinada velocidade, temos que inclinar o corpo para frente e "apoiar" no tanque.

Logo, se ajuda? Sim! Se você pretende andar acima desta faixa, a bolha vai te proteger do vento e diminuir o arrasto permitindo a você chegar a velocidades maiores que uma moto similar sem a bolha. Fora o desconforto e dor no pescoço que as motos sem bolha causam caso sua velocidade de cruzeiro seja alta.

Mas aja coluna fazer uma viagem atrás de uma bolha... eu procuro sempre andar até uma velocidade que não precise dela, conhecida "velocidade de cruzeiro". Só uso a bolha caso precise ganhar tempo em alguma viagem/trajeto OU ultrapassagem. Não uso a bolha por um período muito longo.

Mas pode ter certeza que é útil!
Biz 100, Fan 125, Kansas , YS 250 , YS LE 250, Ténéré 250, Intruder 125, Comet GT250R, YS 250, Intruder, B650S (13~), Cbr250r (14~)
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 13 Jun 2014 13:43 #68

  • MATUSA
  • MATUSA's Avatar
  • OFFLINE
  • Mega Forista
  • Postagens: 14306
  • Thank you received: 190
vandeco escreveu:
Pelo amor de Deus, velocidade final de 180km/h kkkkkkkkkkkkkkkkk. Como você fez para conseguir esta velocidade? Jogou a mesma do penhasco, foi? kkkkkkkkkkkkkkk


Caramba!!! Eu também li esse comentário sobre a extraordinária velocidade dessa CB, e já estava quase indo por fogo na minha GS 500!
Ainda bem que não estou sózinho...

Apaguei o fósforo... :P
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 13 Jun 2014 22:41 #69

  • MANDRUVADOIDAO
  • MANDRUVADOIDAO's Avatar
  • OFFLINE
  • Mega Forista
  • Postagens: 28699
  • Thank you received: 551
MATUSA escreveu:
vandeco escreveu:
Pelo amor de Deus, velocidade final de 180km/h kkkkkkkkkkkkkkkkk. Como você fez para conseguir esta velocidade? Jogou a mesma do penhasco, foi? kkkkkkkkkkkkkkk


Caramba!!! Eu também li esse comentário sobre a extraordinária velocidade dessa CB, e já estava quase indo por fogo na minha GS 500!
Ainda bem que não estou sózinho...

Apaguei o fósforo... :P

Ni Minsgerais é "fosqui". :P
Movimentando o MOTONLINE desde Sexta-Feira, 14 Agosto 2009 as 13:35

Sô minêru uai sô!!!
Caboclo du bão.
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 14 Jun 2014 17:52 #70

  • sil.vio
  • sil.vio's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 102
  • Thank you received: 15
É ASSIM Q PEGA UM NA MENTIRA COMO PODE UMA MOTO POTENTE E ECONOMICA AO MESMO TEMPO!? PERECE CONVERSA DE VENDEDOR DE MOTO
rssrsss :lol:MANDRUVADOIDAO escreveu:
MATUSA escreveu:
vandeco escreveu:
Pelo amor de Deus, velocidade final de 180km/h kkkkkkkkkkkkkkkkk. Como você fez para conseguir esta velocidade? Jogou a mesma do penhasco, foi? kkkkkkkkkkkkkkk


Caramba!!! Eu também li esse comentário sobre a extraordinária velocidade dessa CB, e já estava quase indo por fogo na minha GS 500!
Ainda bem que não estou sózinho...

Apaguei o fósforo... :P

Ni Minsgerais é "fosqui". :P
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 14 Jun 2014 19:02 #71

  • Wendell
  • Wendell's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 477
  • Thank you received: 32
sil.vio escreveu:
É ASSIM Q PEGA UM NA MENTIRA COMO PODE UMA MOTO POTENTE E ECONOMICA AO MESMO TEMPO!? PERECE CONVERSA DE VENDEDOR DE MOTO
rssrsss :lol:MANDRUVADOIDAO escreveu:
MATUSA escreveu:
vandeco escreveu:
Pelo amor de Deus, velocidade final de 180km/h kkkkkkkkkkkkkkkkk. Como você fez para conseguir esta velocidade? Jogou a mesma do penhasco, foi? kkkkkkkkkkkkkkk


Caramba!!! Eu também li esse comentário sobre a extraordinária velocidade dessa CB, e já estava quase indo por fogo na minha GS 500!
Ainda bem que não estou sózinho...

Apaguei o fósforo... :P

Ni Minsgerais é "fosqui". :P

A moto é potente sim para uma 250cc. Só perde para as bi-cilíndricas de mesma potência. Vence qualquer outra mono até 300cc.

A moto é econômica sim! Comigo já fez de 25km/l a 30km/l.

Para os encautos que não sabem, o nome dado a isso é tecnologia!
Biz 100, Fan 125, Kansas , YS 250 , YS LE 250, Ténéré 250, Intruder 125, Comet GT250R, YS 250, Intruder, B650S (13~), Cbr250r (14~)
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 14 Jun 2014 19:05 #72

  • Wendell
  • Wendell's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 477
  • Thank you received: 32
MANDRUVADOIDAO escreveu:
MATUSA escreveu:
vandeco escreveu:
Pelo amor de Deus, velocidade final de 180km/h kkkkkkkkkkkkkkkkk. Como você fez para conseguir esta velocidade? Jogou a mesma do penhasco, foi? kkkkkkkkkkkkkkk


Caramba!!! Eu também li esse comentário sobre a extraordinária velocidade dessa CB, e já estava quase indo por fogo na minha GS 500!
Ainda bem que não estou sózinho...

Apaguei o fósforo... :P

Ni Minsgerais é "fosqui". :P

Ela não chega a 180km/h nem em descida...

Ainda não tive a oportunidade de enrolar o cabo da minha. Tentarei fazer em breve com o GPS para registrar máxima de painel e no GPS (real) e informarei aqui.

Mas de antemão, me baseando no que leio em sites sérios, será algo entre 160~170km/h no painel. Me baseando nos mesmos sites, acredito que a máxima real dela será em torno dos 150~155km/h.

Veremos!

PS: Na Fazer fiz 155km/h usando o vácuo de outro veículo à frente, no GPS registrava 137km/h.
Biz 100, Fan 125, Kansas , YS 250 , YS LE 250, Ténéré 250, Intruder 125, Comet GT250R, YS 250, Intruder, B650S (13~), Cbr250r (14~)
Última Edição: 14 Jun 2014 19:08 por Wendell.
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 14 Jun 2014 21:04 #73

  • vandeco
  • vandeco's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Sênior
  • Postagens: 1094
  • Thank you received: 147
Eu acho que a Cbr deva ser realmente uma boa moto. Acredito que alguns não ficaram muito satisfeitos porque esperaram muito da moto e esqueceram que ela é apenas uma 250.
"Vinde a mim todos os que estão cansados e oprimidos e eu vos aliviarei" Senhor Jesus
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 15 Jun 2014 15:48 #74

  • jpelisoli
  • jpelisoli's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 26
  • Thank you received: 2
Todo mundo falando "ahhh ela não bota 180 km/h nem na descida"...agora digam-me amigos: em qual rodovia brasileira a velocidade máxima é maior que 110 ou 120 km/h? PRA QUE fazer motos super potentes, que ultrapassam os 200 km/h, se é ilegal chegar nessa velocidade? Se querem ser imprudentes, vão para autódromos...e mesmo assim tem muitos autódromos que os organizadores não deixam acelerar tudo. Acho um absurdo gente que acha normal andar a 200 km/h numa rodovia, passou um animal na pista...já era.

PS.: Agora falando da moto: ela é uma moto 250cc, que foi projetada para uso URBANO e ser ECONÔMICA, com fôlego de sobra para andar na estrada com SEGURANÇA. Para que mais?
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

CBR 250 R 15 Jun 2014 17:04 #75

  • MANDRUVADOIDAO
  • MANDRUVADOIDAO's Avatar
  • OFFLINE
  • Mega Forista
  • Postagens: 28699
  • Thank you received: 551
Por essas e outras que pretendo abandonar "moto grande", comprar uma TÉRÉZINHA e ficar com ela até se desfazer.
Creio que vá demorar um bocado.
Movimentando o MOTONLINE desde Sexta-Feira, 14 Agosto 2009 as 13:35

Sô minêru uai sô!!!
Caboclo du bão.
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.
Time to create page: 0.237 seconds