Bem-Vindo, Visitante
Username: Password: Lembrar-me

TÓPICO: Qual marca e modelo escolher para uma moto de 1000cc?

Qual marca e modelo escolher para uma moto de 1000cc? 30 Jan 2013 11:52 #31

  • Patriarca
  • Patriarca's Avatar
  • OFFLINE
  • Administrator
  • Postagens: 23223
  • Thank you received: 703
Bem contra fatos não há argumentos,a algum tempo aqui no Brasil existia a tal "escadinha" das cilindradas, talvez alguém mais experiente que eu possa explicar o porquê isso acabou. Em alguns países da Europa a "escadinha das cilindradas" é obrigatória, então isso deve ter algum sentido.
Por outro lado, eu não conheço ninguém que tenha começado com uma moto grande que tenha sofrido algum acidente ou morrido, ou mesmo que tenha começado com uma moto de grande cilindrada, alguém aqui conhece?
Me lembro desse caso aqui:



Quando esse acidente aconteceu muitos boatos surgiram, inclusive de que essa era a primeira moto dele e o mesmo se perdeu na curva.

A História ensina que ouvir quem tem experiência é uma decisão sábia, mesmo porque, quantas vezes na vida fazemos coisas que nunca ninguém fez?
Quando corremos o risco em ser os primeiros em alguma coisa?
Mais ainda, quando fomos aprender a andar , primeiro não engatinhamos? E ainda assim, quantos tombos levamos?
Pense bem nisso, a vida é um aprendizado e aprender com a experiência dos outros é mais fácil do que aprender sozinho em alguns casos.

Abraço e Vida Longa!!!
"Bons amigos são a família que nos permitiram escolher..."
"Memento te mortalem esse"
“Não é o trânsito que te educa, você leva sua educação por onde vai."
Última Edição: 30 Jan 2013 14:47 por Patriarca.
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.


Qual marca e modelo escolher para uma moto de 1000cc? 30 Jan 2013 14:38 #32

  • ggsjunior
  • ggsjunior's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 309
  • Thank you received: 47
Patriarca escreveu:
Por outro lado, eu não conheço ninguém que tenha começado com uma moto grande que tenha sofrido algum acidente ou morrido, alguém aqui conhece?

Pois eu conheço vários, inclusive um caso de um rapaz que trabalha comigo e era vendedor de uma concessionária Honda, e que na época vendeu uma Hornet para um rapaz que acabara de completar 18 anos. Era o presente de aniversário dele. Quinze dias depois os pais do rapaz voltaram a concessionária, chorando muito, e acusavam esse meu colega vendedor pela morte do rapaz, pois ele supostamente deveria ter orientado os pais sobre os que ele estava vendendo para o filho deles. Eles não faziam idéia do que era aquela moto.
Ora bolas, cada um é responsável por sua vida, e essa discussão sempre se dá partindo de pessoas que supostamente acham que dá pra fazer, porque supostamente conhecem alguém que conseguiu sobreviver.
Mas eu lhe digo que do que eu conheço vários que se deram muito mal, e olha que tenho muita experiência com esse mundo de motos.
A grande maioria não deu certo, sendo sempre muito traumatizante, e muitas vezes com sequelas graves, e alguns casos até com morte, como esse meu colega que passou por esse problema. Ele até deixou de ser vendedor de motos depois disso.
A tal escadinha é menos comum hoje em dia porque a condição do país melhorou, e mais pessoas tem acesso a motos de maior cilindrada, a e mídia dos nossos dias pregam que você merece o melhor. Então querem o melhor comprando uma moto grande direto.
Na Europa, ao contrário do que você cita, a tal escadinha é regulamentada por lei, sendo barrado o acesso a pessoas pouco experientes a motos de maior cilindrada. Só que as fábricas, percebendo isso, passaram a construir motos de baixa cilindrada com rendimentos absurdos, como a famosa CBR 250 RR e suas concorrentes (tem matéria aqui no motonline sobre elas), que davam o mesmo efeito de uma moto de grande cilindrada. Ao perceberem isso, muitos países passaram a regulamentar o acesso as motos pela relação peso/potência.
Como eu disse antes, porque será que em todas as outras áreas da vida é preciso começar de baixo, como aviões, carros de corrida, aeromodelos, atletismo, etc, e nas motos as pessoas acham que vão pegar uma moto com quase 200 CV e menos de 200 kg e vão conseguir dominá-la adequadamente e com segurança, porque já dirigem carro, e estes também tem acelerador, embreagem e freio? É quase a relação peso/potencia de um Fórmula 1! Além disso tem a questão do trânsito, que só quem já conviveu com ele no dia a dia de moto consegue entender. Por mais experiência que tenhamos, há imprevistos todo santo dia! E só a experiência com cada moto é que nos faz sobreviver a ele todos os dias.
Isso que esses colegas estão incentivando é uma irresponsabilidade, mesmo que seja com motos de 600 cc. Passar a imagem que é como passar de um carro 1.0 para um carro 2.0 é pura ilusão. Como o indignado colega Ezenecon disse, quem defende esse tipo de coisa é porque se acha o "tal" e quer ver o circo pegar fogo. É um IRRESPONSÁVEL! Como o outro colega frizou, A MARGEM DE ERRO É ZERO!
Abro uma pequena exceção no caso das custom, pois normalmente o perfil de quem compra, o peso e o desempenho da moto podem favorecer os menos habilitados. Mas ainda assim não vão aproveitar nem 10% de tudo o que a moto oferece, e se tivessem vindo de motos menores, ao terem atingir 80, 90% de cada uma, terão uma experiência muito mais completa de vida, além de muito mais segura.
Mas cada caso é um caso, e você, caro Patriarca, como moderador de um forum com tanta relevância no mundo cibernético, não deveria nem cogitar apoiar esses irresponsáveis que defendem essa idéia.

Abraços
Kansas 150 2008 - Preta
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

Qual marca e modelo escolher para uma moto de 1000cc? 30 Jan 2013 14:45 #33

  • Patriarca
  • Patriarca's Avatar
  • OFFLINE
  • Administrator
  • Postagens: 23223
  • Thank you received: 703
Obrigado ggs, era isso que eu estava procurando, pois procurei estatísticas sobre isso para mostrar os fatos e não encontrei, mas no meu caso, o fato é que eu não conheço ninguém na situação em que comprou uma moto de grande cilindrada e se deu mal, e também não conheço ninguém que começou com uma moto grande.
Creio também que não fui bem claro no que disse em respeito a alguns países da europa, eu quiz dizer que lá é sim, obrigatória a escadinha das cilindradas, mas vou consertar o texto.
E peço aqui que quem tiver mais histórias sobre o assunto que fique à vontade em escrevê-los aqui.

Para deixar bem claro, eu não aconselho ninguém a começar numa moto de grande cilindrada, nem mesmo algumas custom pois o susto pode ser grande, nesse caso, tenho um amigo que empinou sua HD 883 num corredor (por acidente) pois não conhecia o torque da moto.

Abraço.
"Bons amigos são a família que nos permitiram escolher..."
"Memento te mortalem esse"
“Não é o trânsito que te educa, você leva sua educação por onde vai."
Última Edição: 30 Jan 2013 14:50 por Patriarca.
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

Qual marca e modelo escolher para uma moto de 1000cc? 30 Jan 2013 16:24 #34

  • ezenecon
  • ezenecon's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Expert
  • Postagens: 2801
  • Thank you received: 458
Patriarca escreveu:
Obrigado ggs, era isso que eu estava procurando, pois procurei estatísticas sobre isso para mostrar os fatos e não encontrei, mas no meu caso, o fato é que eu não conheço ninguém na situação em que comprou uma moto de grande cilindrada e se deu mal, e também não conheço ninguém que começou com uma moto grande.
Creio também que não fui bem claro no que disse em respeito a alguns países da europa, eu quiz dizer que lá é sim, obrigatória a escadinha das cilindradas, mas vou consertar o texto.
E peço aqui que quem tiver mais histórias sobre o assunto que fique à vontade em escrevê-los aqui.

Para deixar bem claro, eu não aconselho ninguém a começar numa moto de grande cilindrada, nem mesmo algumas custom pois o susto pode ser grande, nesse caso, tenho um amigo que empinou sua HD 883 num corredor (por acidente) pois não conhecia o torque da moto.

Abraço.

KKKKKKKKKKKKKK Nessa eu tava lá e vi tudo de "camarote" kkkkkkkkkkkkkkkk

O mais bonito foi a "bronca" da garupatroa!!!!!!! kkkkkkkkkkkkk

Embora eu também não conheça muitas pessoas que começaram "por cima", conheço algumas. Uma delas aconteceu no ano passado, quando o filho de uma conhecida minha comprou uma 600 (acho que foi Hornet, mas não tenho certeza) e sofreu um acidente no dia seguinte. não morreu, mas não anda até hoje, e não sei se andará normalmente de novo!!!!

Quem compra uma moto dessas "so para aparecer" deveria fazer o que o meu pai sempre falava: "quer aparecer, pega um eucalipto, soca no r@bº e deixa as raizes para fora". Aparece mais que "melancia no pescoço". :evil:
Ezenecon

2º ENM, eu também FUI!!!!!!
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

Qual marca e modelo escolher para uma moto de 1000cc? 31 Jan 2013 10:36 #35

  • Jean_SP
  • Jean_SP's Avatar
  • OFFLINE
  • Moderator
  • Pilotar para viver; viver para Pilotar!
  • Postagens: 7951
  • Thank you received: 328
Olha, como já disse uma vez a um amigo, ainda bem que só tive minha primeira 1000 cc depois dos 40. Não que isso seja uma regra, nada disso. Mas digo pela experiência que se adquire, e vc aprende a respeitar os limites, principalmente os seus. Não sou santo, qdo dá gosto de acelerar, esse tipo de moto pede, mas com muito mais prudência do que qdo tinha meus 20, 25 anos.
Não quero dizer com essa postagem, que se deva ter moto potente somente acima dos 40, apenas me referi à mim mesmo, pois sei o qto gostava de acelerar. Mas acho de fundamental importância a escala nas cilindradas, pois como já foi dito, é um tipo de máquina, que não se admite erros.
Motonline!!
Referência em Motos.

Viver para pilotar,
Pilotar para Viver!!!!
Última Edição: 31 Jan 2013 10:39 por Jean_SP.
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.
Os seguintes usuários disseram Obrigado: apadua

Qual marca e modelo escolher para uma moto de 1000cc? 06 Fev 2013 23:24 #36

  • zeluiz
  • zeluiz's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 2
  • Thank you received: 1
Pessoal
Não tenho a pretensão de acrecentar mais nada ao que aqui ja foi dito com muita propriedade sobre os riscos de ceder a uma tentaçao de pilotar uma moto para a qual não se esteja preparado.O que eu posso dizer a respeito do assunto é que pelo que eu vi no inicio do topico é que o colega e futuro companheiro de estradas é apaixonado pelo ronco dos 4 cilindros.......eu tambem.por isto nunca cedi a tentaçao de comprar uma 4 cilindros pois iria fazer besteira na certa,pois para ouvir o ronco(musica)temos que andar a quantos km/H?Hoje ja com mais idade vejo que nao ter uma 4 cilindros foi minha salvaçao(Exatamente porque minha paixao pelo ronco dos 4 cilindros e maior que minha habilidade para domina-los).A proposito a respeito do que foi dito a sobre as custom posso dizer que estas tambem nao sao feitas para principiantes pois pelo menos a que eu tenho(H.D Dyna glide custom) tambem nao aceita erros e acredito que tomar um chao junto com 300Kg de metal traz consequencias funestas.
Dyna FXDC preta
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.


Qual marca e modelo escolher para uma moto de 1000cc? 20 Mai 2013 14:16 #37

  • anderson.grande
  • anderson.grande's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 4
  • Thank you received: 1
Eu comecei com uma XRE 300 e depois comprei uma NC700 e embora elas nao apresentem potencia, quando sai de uma para a outra voce sente muito a força em sua mao..... Qualquer deslize da mao na NC700 ja serve para dar bastante susto, com motos potentes isso tende a ser ainda pior mesmo nas Hornet por exemplo. Tem que ser engatinhando mesmo, embora o dinheiro no bolso e a vontade de comprar nos leve para outro lado, é melhor começar devagar e durar durante bastante tempo do que começar de cima e logo se arrebentar todo.....
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

Qual marca e modelo escolher para uma moto de 1000cc? 21 Mai 2013 14:36 #38

  • MANDRUVADOIDAO
  • MANDRUVADOIDAO's Avatar
  • OFFLINE
  • Mega Forista
  • Postagens: 28697
  • Thank you received: 551
Qual marca e modelo escolher para uma moto de 1000cc?

Nova.
Movimentando o MOTONLINE desde Sexta-Feira, 14 Agosto 2009 as 13:35

Sô minêru uai sô!!!
Caboclo du bão.
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

Qual marca e modelo escolher para uma moto de 1000cc? 03 Out 2013 16:06 #39

  • GMOTA84
  • GMOTA84's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 10
  • Thank you received: 1
Então resolveu a idéia sobre a moto 1000cc? Comprou?

Irei dizer para começar com uma 150 ou 250cc no máximo, mais os amigo já disseram tudo isso.

Agora estou curioso sobre a escolha.

Att Gustavo Mota
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

Qual marca e modelo escolher para uma moto de 1000cc? 04 Out 2013 09:05 #40

Caros,

foto.JPG


Iniciei no universo do motociclismo em janeiro desse ano. Quando esse vírus me pegou eu não tinha nem habilitação, então iniciei a minha jornada.

Durante o tempo de adestramento para passar na prova do Detran, comecei a pesquisar qual seria a porta de entrada. Ouvi várias opiniões, diversas experiências, diversos estilos de pilotagem e com a cabeça cheia de informações fui procurar àquela que seria minha grande companheira.

Como a maioria dos meus amigos motociclistas tinham bigtrails percorri diversas marcas, modelos e cilindradas. Cheguei a visitar umas cinco vezes a concessionária da Kawasaki e da BMW colhendo informações e tentando achar a química perfeita.

Não sabia o que queria, mas tinha já definido comigo o que não queria, uma moto esportiva. Eliminando esse estilo, estava muito inclinado a comprar a BMW GS 650, chegando até a fazer uma proposta de compra para a concessionária.

Ainda sem habilitação, num sábado qualquer, olhando os sites de motos soube que a Harley Davidson no Rio tinha um café da manhã para os motociclistas, e movido pela curiosidade fui "assuntar", como dizem os amigos mineiros.

Tinha uma idéia formada que Harley era moto de rico e que aquela visita não passava de apenas especulação.

Chegando por lá, ao ver dezenas de motos estacionadas e a turma de preto com a grande águia nas costas, fiquei arrepiado. Uma cena muito bonita de se ver.

Logo me chegou um rapaz, com os braços desenhados e um cavanhaque, era o João Mello, surpreendeu-me a gentileza da figura que aparentemente não combinaria com o visual. Senti-me acolhido pela casa. Fui conferir cada moto, com suas etiquetas de preço penduradas. Tive minha segunda grande surpresa, os valores eram compatíveis com as demais motos que tinha visto. Quebrado o primeiro paradigma, se eu quisesse poderia ter uma Harley.

Como estava vendo minha primeira motocicleta, claro que fui ver a base primeiro, a 883 com a qual não tive simpatia. Na sequência montei na 1200 Custom, rolou uma boa sensação e no impulso fechei o negócio. Seria o proprietário de uma Harley e um motociclista de moto custom. Nesse dia não vi mais nada, afinal seria a minha primeira motocicleta e já estava sendo, na opinião de muitos, extremamente irresponsável em iniciar com uma Harley 1200 cc.

No tempo de espera para tirar a carteira e chegar a moto, ia constantemente na concessionária para namorar a nova prenda, numa dessas idas, aconteceu algo inacreditável. Já me sentindo parte do grupo e mais entrosado, tive uma conversa franca com o João Mello, sobre a minha história e a moto. Foi quando ele brilhantemente me falou, acho que uma moto para você seria a Dyna Super Glide Custom de 1600cc. Pensei, esse cara é louco, já iria começar a pilotar em uma moto de 1200cc, nunca que conseguiria iniciar com uma 1600cc. Mas foi aí que ele falou, senta nessa moto.

Sabe o filme AVATAR, quando se fazia a conexão com os animais, quando sentei e alinhei aquela máquina de 350kg, tive a clarividência que àquela seria a companheira.

Assim, desde abril/2013 estou com a Dyna Super Glide Custom, já rodei nesses poucos meses, 9.000km. Hoje às 12h viajo mais 450km para encontrar amigos motociclistas em Lavras/MG.

Contrariei as regras, não subi escadas, mas a maturidade de que tem 40 anos ajuda muito, na hora de encarar com responsabilidade e respeito cada km rodado nas nossas estradas e cidades.

Agradeço muito a todos pelas contribuições, é muito importante ouvir as histórias de todos para saber como escrever a nossa.

Espero encontrá-los na estrada.

Abraços,
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.
Os seguintes usuários disseram Obrigado: MANDRUVADOIDAO

Qual marca e modelo escolher para uma moto de 1000cc? 04 Out 2013 09:24 #41

  • ezenecon
  • ezenecon's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Expert
  • Postagens: 2801
  • Thank you received: 458
Caro amigo Marcus, bem vindo à turma do Motonline!!

Que bom saber que vais para Lavras-MG, a turma de lá é muito "gente boa", e tem o pessoal do "Bando do Macaco", o Fábio Sep, o Donytelo, o Maguinho, e os que vem de BH, Danne, Michel, MandruvaX, etc. (me perdoem se faltou alguem).

Toda regra tem excessões, e esta não seria a única. E claro que a idade e a responsabilidade ajudam bastante, mas também o estilo de moto faz toda a diferença, pois uma HD, apezar da CC, é uma moto dócil, feita para passear, e não "instiga" o sujeito à acelerar, como acontece com uma RR ou uma Esportiva.

Bela escolha a sua. Não é meu estilo, mas a moto é fantástica. E é como eu sempre digo, não existe moto "melhor", existe a "sua moto"!
Ezenecon

2º ENM, eu também FUI!!!!!!
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

Qual marca e modelo escolher para uma moto de 1000cc? 16 Out 2013 15:33 #42

  • GMOTA84
  • GMOTA84's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 10
  • Thank you received: 1
Boa tarde, concordo plenamente com ezenecon, o amigo do tópico em tela se referiu a comprar uma super esportiva, o que é é totalmente diferente em termos de potência de uma haley, quem já pilotou ambas sabe o que é, a HD apesar de ser muito forte 1.600 cc está longe da potência de uma SE.

Espero ter ajudado.
Última Edição: 16 Out 2013 15:35 por GMOTA84.
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

Qual marca e modelo escolher para uma moto de 1000cc? 18 Out 2013 01:11 #43

  • prp.prp
  • prp.prp's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 41
  • Thank you received: 2
Tudo muito complicado.
Mas partir para uma esportiva logo de primeiro é pedir para morrer.
Primeiro que esportiva é estortiva, foi feita para andar, se um cara compra uma é porque ele quer andar forte, ninguém compra uma R1 para ir trabalhar. Ora, dito isso, ninguém nasceu sabendo, tem que aprender, auto escola neste país não ensina ninguém a nada, a aprendizagem vai ter que evoluir de um jeito ou de outro, por bem ou por mal, normalmente, se for uma R1, vai dar merda.
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

Qual marca e modelo escolher para uma moto de 1000cc? 12 Nov 2013 08:32 #44

  • viniciushonda
  • viniciushonda's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Novato
  • Postagens: 23
  • Thank you received: 3
JEAN passou bem o que realmente se sente numa moto desse porte , acho mesmo que as pessoas que querem entrar nesse mundo dessas maquinas, tem que esta preparado em tudo...mentalmente , fisicamente , estruturalmente , e dinheiralmente...porque sei que nao é qualquer pessoa que chega pra mim e compra a Fire Blade porque achou bonitinha ... ou a CB 1000R porque simpatizou com ela...
Mas se o topico era pra escolher marca e modelo pra comprar meu voto vai pra CB 1000R mesmo ouvindo rumores de sair de linha....acho que the HONDA nao vacilaria tanto...ou vacilaria? :dry:
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.

Qual marca e modelo escolher para uma moto de 1000cc? 12 Nov 2013 10:24 #45

  • Mackenzie
  • Mackenzie's Avatar
  • OFFLINE
  • Forista Junior
  • Postagens: 594
  • Thank you received: 104
Eu acho que todo mundo já falou tudo o que tinha que falar. Eu acho bem interessante a escadinha, pois você troca de moto quando sente que chegou no limite da sua atual. No meu caso, depois de 1 ano rodando diariamente com minha intruder, me sinto pronto pra comprar uma 250 cc. Cara, te digo que com uma 250 cc na estrada, você já consegue fazer muita coisa! Pra que uma 1000cc? Andei em uma Daytona 675 e vi que aquilo é muito mais do que eu preciso pra andar! Acho que só vou ter uma 1000cc se for por sonho, ou bem mais velho mesmo porque não há necessidade.
Com uma 250 você já anda tão rápido quanto os carros de passeio, dá pra aprender todas as técnicas de pilotagem necessárias para no futuro você conseguir subir pra uma 600. E pode botar que pra você andar bem mesmo na 250cc demora mais um tempo.
Quando andei na Triumph Street Triple 675 me senti um completo iniciante andando nela, tamanha a minha inexperiência. Acho que demoraria mais ou menos 1 ano pra me adaptar e ela legal, e mais uns 2 ou 3 pra realmente aprender técnicas para pilotá-la de forma a usufruir de toda a segurança que essa moto oferece.

Fica aqui minha humilde opinião sobre o assunto.
Atual: Heritage Custom 2008 33.000km
Haojue Lindy 125 2018 35km
Ex: Z 750 2012 Preta 22.000km
Ex Fazer 250 2011 Roxa - 55.000km
Ex: Suzuki Intruder 125 2011 - 21.500km
O administrador desabilitou o acesso público de escrita.
Time to create page: 0.289 seconds