Análises escritas por Cláudio Fernandes Lage

2 resultados - mostrando 1 - 2
 
Trail
 
Satisfação Geral 
 
9.0
 
Visual 
 
10.0
Conforto 
 
9.0
Performance 
 
9.0
Dirigibilidade 
 
10.0
Consumo 
 
7.0
Custo x Benefício 
 
9.0
Cláudio Fernandes Lage Analisado por Cláudio Fernandes Lage    21 de Março de 2015
Analista Top 500  -  

Ótimo custo-benefício para quem quer comprar uma moto acima de 250cc que topa tudo sem ter um gasto muito mais alto. Moto fácil de fazer manutenções e a disponibilidade de peças de qualidade no mercado paralelo aumentou muito, apesar de muitos itens, que só encontramos originais, ainda serem fora da realidade.

Eu recomendo!
Prós
Moto realmente muito robusta, aguenta tudo sem reclamar. Excelente estabilidade, fácil de pilotar e parece até uma moto menor. Muito confortável, mesmo com o banco original. Com o banco sela fica melhor ainda. Suspensões excelentes. Consumo relativamente bom, com médias de 25 km/l em estradas e 17 a 20 em trânsito urbano. Farol muito bom e não tenho qualquer problema em pegar estradas à noite.

Tenho a moto há 1 ano e já rodei 15 mil km. Gastos com manutenção até agora foram só troca de óleo e filtro e um rolamento da direção. Para as minhas pretensões, não preciso de nada melhor. Trocaria por uma mais nova sem pestanejar.
Contras
A vibração às vezes incomoda, mas isso é fácil de acostumar, tem dias que vibra mais..kk. A tremedeira da Teneré 250 é muito pior. Moto bastante pesada, não admite deslizes, especialmente para os baixinhos, como eu! As marchas poderiam ter um escalonamento diferente, pois às vezes é difícil encontrar a rotação ideal. Como o motor tem muito torque, com a dimensão do câmbio que ela tem deixa a moto meio áspera.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Menos de um ano
Ano de Fabricação
2008
Tipo de uso
Meio de transporte
Terreno testado
  • Urbano
  • Terra
  • Estrada
Quilometragem
45.600 Km
Esta análise foi útil para você? 
Sim (2)Não (0)
Denunciar esta análise
Trail
 
Satisfação Geral 
 
5.0
 
Visual 
 
9.0
Conforto 
 
2.0
Performance 
 
6.0
Dirigibilidade 
 
7.0
Consumo 
 
10.0
Custo x Benefício 
 
6.0
Cláudio Fernandes Lage Analisado por Cláudio Fernandes Lage    29 de Novembro de 2013
Analista Top 500  -  

Recomendo com ressalvas.

Eu recomendo!
Prós
Embora eu seja baixo (1,68) a altura dá muita segurança, farol muito bom, boa posição de pilotagem para piloto e garupa, câmbio macio, consumo excelente.
Contras
O conforto como um todo é ruim, pois não se trata somente da posição de pilotagem e bancos. A excessiva vibração no guidão incomoda muito na estrada assim como a bolha é péssima, o que compromete de mode significativo o conforto. A Bolha mais atrapalha que ajuda fazendo uma turbulência que cansa muito o pescoço, além do barulho dentro do capacete por causa da corrente de vento. Acho que se eu fosse mais alto não sentiria isso, mas vou tentar uma bolha mais alta.

A vibração abaixo dos 3500 rpms é assustadora, igual ou maior que a XT660. Acima dos 6000 rpms a vibração volta a incomodar. Já fiz um trajeto de 100 km e cheguei com as mão formigando.

Confesso que esperava mais da moto, principalmente no conforto. Se não conseguir atenuar os problemas eu volto para a Fazer.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Menos de um ano
Ano de Fabricação
2012
Tipo de uso
Meio de transporte
Terreno testado
  • Urbano
  • Estrada
Esta análise foi útil para você? 
Sim (1)Não (0)
Denunciar esta análise
2 resultados - mostrando 1 - 2
Powered by JReviews