Análises escritas por Alberto Morgado

3 resultados - mostrando 1 - 3
 
Street
 
Satisfação Geral 
 
9.0
 
Visual 
 
10.0
Conforto 
 
10.0
Performance 
 
9.0
Dirigibilidade 
 
9.0
Consumo 
 
9.0
Custo x Benefício 
 
9.0
Alberto Morgado Analisado por Alberto Morgado    24 de Setembro de 2013
Analista Top 100  -  

moto fenomenal... um dos carros chefes da yamaha no Brasil...
Se você quer iniciar de 250cc, essa é a moto...
Muito versátil, painel bonito, mão de obra barata

Eu recomendo!
Prós
Motor que aguenta qualquer parada - Relatos de motor com 200.000 kms rodados... e rodando bem!!!
Ciclistica - ótima para o uso urbano
Conforto - banco confortável, principalmente para o garupa
Manutenção - muito fácil de encontrar, inclusive as peças de reposição
Tanque de quase 20lts
Contras
Um pouco barulhenta (mas não chega a ser barulhenta como a corrente da CB300)
Poderia ter alguns CV's a mais
Faltou o mostrador de marchas

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
2011
Tipo de uso
Utilitário (trabalho)
Terreno testado
  • Urbano
  • Terra
  • Estrada
Quilometragem
10.000 Km
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Manutenção
Baixo
Esta análise foi útil para você? 
Sim (0)Não (0)
Denunciar esta análise
Trail
 
Satisfação Geral 
 
10.0
 
Visual 
 
10.0
Conforto 
 
9.0
Performance 
 
8.0
Dirigibilidade 
 
10.0
Consumo 
 
9.0
Custo x Benefício 
 
9.0
Alberto Morgado Analisado por Alberto Morgado    24 de Setembro de 2013
Analista Top 100  -  

Uma moto fantástica, um segmento que não deu muito certo no Brasil (motard) e vendeu por apenas 2 anos.
é uma moto muito bonita e ótima para uso urbano... possui um ciclistica incrivel, e é possivel fazer milagres com essa moto...
Poderia receber um upgrade no motor, alguns cavalos a mais, seriam muito bem vindos!
O suporte de placa é algo que da problema em todas, mas existe a solução

Eu recomendo!
Prós
Design - Mesmo já tendo saido de linha o paralama e protetor de bengala é somummente utilizado nas lander normal, por ser muito mai bonito...
Agilidade - apenas pilotando uma para saber, muito mais ágil no transito que a fazer...
Moto leve - boa para pilotos que estão começando e não tem costume e nem habilitade em segurar uma moto.
Mais baixa que a Lander normal - ideal para quem é consideirado baixo como eu (tenho 1,70)
Motor indestrutivel
Contras
Vibração do suporte de placa - Nada que não possa ser resolvido com uma camara velha, e um protetor de placa daqueles de 5 reais
Qualidade dos plásticos da "carenagem" - riscam muito fácil
Por ser mais baixa, o guidão, pega nos retrovisores no corredor
Motor poderia ser mais potente
Cambio as vezes da umas enroscadas
Freio poderia ser melhor - se torna meio borrachudo em dias muito quentes (persiste na lander normal)

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
2008
Tipo de uso
Meio de transporte
Terreno testado
  • Urbano
  • Estrada
Quilometragem
30.000 Km
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Manutenção
Baixo
Esta análise foi útil para você? 
Sim (5)Não (0)
Denunciar esta análise
Naked
 
Satisfação Geral 
 
9.0
 
Visual 
 
10.0
Conforto 
 
9.0
Performance 
 
9.0
Dirigibilidade 
 
10.0
Consumo 
 
9.0
Custo x Benefício 
 
9.0
Alberto Morgado Analisado por Alberto Morgado    24 de Setembro de 2013
Analista Top 100  -  

Uma moto sensacional, recomendo como moto de entrada no segmento das 600cc
Muito fácil de controlar e manutenção dentro do esperado...
Esta vendendo bem e automaticamente está ficando mais visada para roubos...
Mesmo sendo bicilindrica, anda pau a pau com a concorrente XJ6 que é 4 cilindros

Eu recomendo!
Prós
Visual invocado - Sempre a frente da concorência procurando sempre inovar
Retomada melhor que algumas 4 cilindros da categoria - por ser bicilindrica as retomadas são mais ágeis e velozes que as outras 600
Conforto e posição de pilotagem - posso dizer que é confortável como o banco da Fazer 250 (que é bem confortável na minha opinião), a posição é muito boa, pois não é tão esportiva quanto as speed's.
Agilidade e facilidade das manobras - foi a minha segunda moto, e é muito fácil de domar.

Contras
Revisões a cada 6 mil kms
Mão de obra especializada dificl de achar - mesmo as CC's, é um trabalho duvidoso (K10, Fittipaldi Lapa e ABC... eu levaria em outra se fosse vc...)
Valor de manutenção elevado (mas equivalente ao das concorrentes com relação ao valos das peças)
Falta de peças nas CC's - Precisei de algumas peças simples como a aba do tanque, e fiquei 4 meses esperando e sem conseguir pegar meu dinheiro de volta na Fittipaldi ABC, na lapa é a mesma coisa...
Pneus originais - esses dunlops são uma porcaria... não tem aderencia alguma, troquei pelo PR2 que resolveu tudo, porem a medida original (160) é mais dificil de se encontrar na roda traseira...
Um pouco pesada para o seu tamanho...
Suspensão dianteira poderia ter regulagem...

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
2012
Tipo de uso
Meio de transporte
Terreno testado
  • Urbano
  • Terra
  • Estrada
Quilometragem
27.000 Km
Manutenção
Dentro do esperado
Custo de Manutenção
Normal
Esta análise foi útil para você? 
Sim (6)Não (0)
Denunciar esta análise
3 resultados - mostrando 1 - 3
Powered by JReviews