Análises escritas por Diogo Bernardo

2 resultados - mostrando 1 - 2
 
Trail
 
Satisfação Geral 
 
8.0
 
Visual 
 
8.0
Conforto 
 
5.0
Performance 
 
8.0
Dirigibilidade 
 
9.0
Consumo 
 
6.0
Custo x Benefício 
 
7.0
Diogo Bernardo Analisado por Diogo Bernardo    29 de Novembro de 2012
Analista Top 500  -  

Recomendo muito a moto e fiquei muito satisfeito com a BMW. Os preços não são absurdos, a revisão ficou o mesmo preço que a Yamaha queria me cobrar em uma Lander 250.

Eu recomendo!
Prós
Moto muito leve, pesa cerca de 155 quilos. Possui um excelente torque em baixas e médias rotações. Andando devagar, passa dos 25km/l e é uma moto pouco visada para roubos, visto que poucas são encontradas. A revisão ficou em um bom preço, 650 reais visto a quantidade de itens revisados e todos os óleos trocados ( suspensão dianteira , motor). É uma motard esguia, forte e divertida. O banco é até confortável para uma motard. Com 25mil km rodados, toda relação original ainda, sem sinal de desgaste. Chassis composto em aço e alumínio, muito rígido.
Contras
Apresentou um defeito em uma peça da injeção, onde nas partidas a frio ela leva uns 30 segundos pra estabilizar até aquecer. Nada que comprometa. Foi encomendada a peça mas não tenho o preço ainda.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Menos de um ano
Ano de Fabricação
2007
Tipo de uso
Lazer
Terreno testado
  • Urbano
  • Estrada
Quilometragem
25.000 Km
Esta análise foi útil para você? 
Sim (6)Não (0)
Denunciar esta análise
Trail
 
Satisfação Geral 
 
6.0
 
Visual 
 
6.0
Conforto 
 
5.0
Performance 
 
6.0
Dirigibilidade 
 
7.0
Consumo 
 
8.0
Custo x Benefício 
 
8.0
Diogo Bernardo Analisado por Diogo Bernardo    28 de Julho de 2012
Analista Top 500  -  
Eu recomendo!
Prós
Mecânica robusta, nos 30mil km da minha moto, troquei uma vela e a corrente (por erro meu pois ressequei os anéis o'rings da mesma com o uso de querosene), além de óleo, filtros e uma pastilha traseira. A versão X ainda é atual e tem um bom desempenho dinâmico na cidade. É muito econômica para uma 250 e um desempenho condizente com a cilindrada. Quem espera desempenho de 500 cilindradas em uma 250 não vai gostar da moto. Moto simples e funcional e atende em cheio quem precisa de uma moto pra cidade confiável, econômica e bonita. A minha uso em viagens longas de 1500km e nunca me deixou na mão. Nem pneu fura. Mantendo até 95km/h vai bem e é econômica. É muito divertida brincar com ela na pista de kart da minha cidade. Por enquanto a melhor moto que tive.
Contras
Carenagens quase descartáveis, riscam fácil e perde o brilho mesmo abrigada ao sol. O painel é feio, parece frágil e o conta giros é uma piada, pequeno e difícil de visualizar. No asfalto não deve ter pressa, afinal não tem folego pra manter mais que 105, 110km/h sem esgoelar comprometendo durabilidade e consumo de gasolina. Os pneus Pirelli do modelo motard assustam na terra/areia, mas como são pra asfalto algo normal, apenas exigem atenção. A placa original de alumínio não dura nem 1 mês e deve ser substituída por uma de aço, que dura pra sempre hehe.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
2009
Tipo de uso
Meio de transporte
Terreno testado
  • Urbano
  • Terra
  • Estrada
  • Pista
Quilometragem
30.000 Km
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Manutenção
Baixo
Esta análise foi útil para você? 
Sim (9)Não (0)
Denunciar esta análise
2 resultados - mostrando 1 - 2
Powered by JReviews