Análises escritas por Luiz Guilherme Breviglieri

2 resultados - mostrando 1 - 2
 
Street
 
Satisfação Geral 
 
10.0
 
Visual 
 
7.0
Conforto 
 
9.0
Performance 
 
8.0
Dirigibilidade 
 
10.0
Consumo 
 
10.0
Custo x Benefício 
 
10.0
Luiz Guilherme Breviglieri Analisado por Luiz Guilherme Breviglieri    01 de Junho de 2012
Analista Top 500  -  

Foi minha segunda moto, comprei 0Km e é uma moto que teria novamente sem pestanejar. Muito econômica, com um visual bem bacana e bastante confortável. Com itens de série que em outras motos é necessário pagar mais para para ter. Moto guerreira, rodamos eu e minha esposa, perto de 1000Km em um FDS.
Duro é ficar nas mãos das concessionárias Suzuki aqui do RJ. Pra motos de baixa cc eles não dão a mínima. Nunca usei a CC para revisão. Foi uma moto que deixou saudades!

Eu recomendo!
Prós
Moto mais honesta dentre as opções existentes na categoria.
Painel completo, inclusive com marcador de marcha.
Muito confortável.
Moto ideal pra quem está começãondo no mundo das duas rodas.
Manutenção, quando precisa, condizente com a realidade.
Moto com cara de moto.
Contras
Falta do freio a disco na roda traseira.
Pós-Venda da Suziku pra moto pequena. É uma piada.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
2008
Tipo de uso
Meio de transporte
Terreno testado
  • Urbano
  • Estrada
Quilometragem
12.000 Km
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Manutenção
Normal
Esta análise foi útil para você? 
Sim (3)Não (0)
Denunciar esta análise
Naked
 
Satisfação Geral 
 
10.0
 
Visual 
 
9.0
Conforto 
 
8.0
Performance 
 
9.0
Dirigibilidade 
 
7.0
Consumo 
 
7.0
Custo x Benefício 
 
9.0
Luiz Guilherme Breviglieri Analisado por Luiz Guilherme Breviglieri    01 de Junho de 2012
Analista Top 500  -  

Confesso que comprei a moto com medo, devido ao preconceito. Mas bastou rodar um pouco com ela pra todos os temores desaparecerem. Tenho 1,86m de altura e 115Kg e a moto levou eu e minha irmã (1,70m e 80Kg) ladeira a cima como se estivesse levando uma pessoa só. O motor não regateou uma vez sequer. Anda muito bem na estrada velocidade de cruzeiro de 110-120Km/h facilmente.
A rede de concessionárias poderia ser maior, mas existem mais Kasinski que Kawasaki aqui no RJ, Já é um bom começo. As revisões são boas na concessionária onde retirei a motoca, a Kajin da Barra da Tijuca, porém o preço é salgado. Um outro ponto que deveria ser revisto além do preço é o tempo para realizar a revisão, já chegeui a ficar 15 dias aguardando pra fazer a revisão pois a oficina estava lotada. Estou muito satisfeito com a Comet Gt 250 e olha que eu vim de uma CB400II. Não me arrependo da compra. Eu recomendo.

Eu recomendo!
Prós
Motor excelente, forte como nenhum outro encontrado em naked 250cc.
Pra quem gosta de fazer curva, essa é a motoca.
Freio a disco na duas rodas.
Porte de 600cc. Para quem é alto a moto "veste" muito bem.
Painel bem completo, analógico + digital. Faltando somente a temperatura do motor.
Contras
Não chega a ser defeito, mas sim característica da moto é o acerto da suspensão, muito dura. A moto acaba por se tornar desconfortável em determinados tipos de terreno.
Outra coisa que é característica dessa moto é o pouco esterço, no transito, dependendo da intensidade, tem que ter espaço pra manobrar ou vai ficar preso no corredor.
O painel, como eu disse anteriormente poderia trazer a informação de temperatura do motor. Espaço para isso, no mostrador de LCD, existe.
Consumo elevado pra uma 250cc, pra mim não chega a ser defeito tbm, cavalo que anda... cavalo que bebe.
O sensor de descanço fica exposto e qualquer pancadinha ele para de funcionar. A posição deveria ser revista pela fábrica.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Menos de um ano
Ano de Fabricação
2011
Tipo de uso
Meio de transporte
Terreno testado
  • Urbano
  • Estrada
Quilometragem
8.200 Km
Esta análise foi útil para você? 
Sim (16)Não (4)
Denunciar esta análise
2 resultados - mostrando 1 - 2
Powered by JReviews