Detalhe da Análise

 
CBR 250 R
CBR 250 R Quente
 
CBR 250 R 2014-09-05 13:20:11 Wendell
Satisfação Geral 
 
9.0
 
Visual 
 
10.0
Conforto 
 
9.0
Performance 
 
9.0
Dirigibilidade 
 
10.0
Consumo 
 
10.0
Custo x Benefício 
 
9.0
Wendell Analisado por Wendell    05 de Setembro de 2014
Analista Top 50  -   Ver todas as minhas análises

Eu acho uma moto espetacular (claro, considerando a categoria, motor e afins).
É uma 250 bem acabada, com qualidade feita para os padrões europeus.
Muito fácil de conduzir, boa para estrada, boa para o carona mas melhor na cidade por ser muito leve e dócil.

Numa comparação "direta", diria que a ninja é mais esportiva, tem mais velocidade final, também é muito bonita e tem boa tecnologia. Boa para quem quer uma mini-esportiva e anda sozinho. Já a Cbr250, é melhor na cidade, é melhor para o carona tanto no quesito conforto quanto pelo fato de ter alças de apoio, cabe uma baú para quem faz viagens, é mais econômica, tem custo de manutenção mais baixo e tem rede de concessionária em qualquer buraco do brasil.

Ai vai de cada um, o que quer. Qual moto atende melhor as expectativas dele. A Cbr atende melhor a minha porque viajo muito, preciso de baú, prezo pela manutenção com preço aceitável e às vezes viajo com garupa. Independente disso, a Cbr é sim, uma ótima motinha! Indico!

Eu recomendo!
Prós
. Muito bonita
. Muito fácil de conduzir
. Bem leve
. Frenagem bem eficiente
. Muito econômica (De 26,5 a 31km/l comigo urbano/estrada)
. Qualidade do material (moto importada)
. Boa velocidade de cruzeiro
. Pouca vibração para uma monocilindrica
. Relativamente confortável para a categoria
. Relativamente confortável para o(a) carona (comparado a ninjinha)
. Dá para colocar baú (para os que viajam muito como eu)
. Custo de manutenção bem aceitável
. Maior número de concessionárias do Brasil
Contras
. Suspensão dura é ideal para curvas mas ruim em em perímetro urbano mal pavimentado
. Demora para chegar as peças de reposição menos usuais, tipo carenagem (cerca de 30 dias)
. Acho as manete muito "alta", cansando fácil a mão em perímetro urbano
. Acho o custo-beneficio alto, mas o mesmo serve para a ninjinha, inzauma e outras.... não é exclusividade da cbr.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Menos de um ano
Ano de Fabricação
2012
Tipo de uso
Meio de transporte
Terreno testado
  • Urbano
  • Terra
  • Estrada
Quilometragem
9.000 Km
Esta análise foi útil para você? 
Sim (5)Não (1)
Denunciar esta análise

Comentários

Powered by JReviews