Análises escritas por Roberto de Paula

1 resultados - mostrando 1 - 1
 
Trail
 
Satisfação Geral 
 
10.0
 
Visual 
 
10.0
Conforto 
 
10.0
Performance 
 
10.0
Dirigibilidade 
 
9.0
Consumo 
 
7.0
Custo x Benefício 
 
9.0
Roberto de Paula Analisado por Roberto de Paula    11 de Janeiro de 2013
Analista Top 1000  -  

Vc se senta nela a primeira vez e ñ acredita. Ela é realmente diferente. Todos q andaram na minha, tiveram a mesma opinião, sem q eu influenciasse nessa opinião. A gente fica extasiado, como se nunca tivesse andado numa moto boa. Tive um Big Trail 900, q é imbatível em longas viagens, mas essa conseguiu superar essa minhas expectativas, pois é mais dinâmica, funcionando bem no asfalto e relativamente bem em estradas d terra. Mas, apesar do motor forte, ñ aconselho o uso no fora d estrada, q é melhor com motos mais leves q essa. O valor é imbatível, qdo se vê oq essa moto oferece. Motor forte e resistente, moto muito bonita, ñ têm

Eu recomendo!
Prós
Admiração pelo modelo é q faz novos compradores da moto. Assim, com ela, a satisfação é garantida. Uma moto mais pesada q as trails tradicionais, ficou com o design leve com a pequena carenagem do farol. Mas ñ se engane, pois ela é ñ é tão leve assim. A angulação da suspensão dianteira é feita para sustentar esse peso, mas t leva ao chão s 'dobrar' muito rápido numa velocidade pequena. Isso, em chão irregular, é fatal! Sua dirigibilidade é muito boa para asfaltos e, na terra precisa d um tempo d costume para se ter total domínio. Corrente d transmissão acusa rápido a falta d lubrificação com ruídos. Banco, apesar d reto, contrariando a tendência atual, é muito confortável, inclusive para viagens mais longas, surpreendentemente. Estilosa, chama muito a atenção (principalmente a minha, na cor branca). Motor realmente forte e potente, ñ deixa nada a desejar. Pós venda excelente, surpreendeu, pois sempre ouvi o contrário da Yamaha. Tirando os pequenos problemas q todas motos têm, foi a minha melhor aquisição até agora (são 30 anos com várias motos, inclusive uma maravilhosa Big Trail Cagiva/Ducati 900 por 10 anos).
Contras
Com a traseira mais pesada, chega a ser perigoso encarar morros d terra, tanto prá subir, como para descer. Na estrada asfaltada, a frente leve deixa a desejar nas curvas, pois têm a força do motor das big trails, mas ñ têm o conjunto delas (peso, suspensão, etc.). Angulação da suspensão dianteira e comprimento, comprometem um pouco a dirigibilidade no trânsito carregado, mas é bem mais ágil q as big trails carenadas. Muito cuidado ao dirigir 'picotando'; esses modelos com injeção ficam saturadas muito rápido e morrem com frequência. Prá essa moto, isso sempre leva a sustos constantes. Luz da lanterna traseira vive queimando: melhopr opção é achar lâmpada d led ou andar com lâmpada reserva prá ñ ser parado pela Polícia à noite. Painel um pouco pobre, só avisa qdo a gasolina tá acabando, com um sinal luminoso, nos remetendo à antiga agonia das malfadadas torneirinhas do passado. Muito beberrona, faz em média 15 km/l.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Menos de um ano
Ano de Fabricação
2012
Tipo de uso
Meio de transporte
Terreno testado
  • Urbano
  • Terra
  • Estrada
  • Pista
Quilometragem
5.000 Km
Esta análise foi útil para você? 
Sim (9)Não (2)
Denunciar esta análise
1 resultados - mostrando 1 - 1
Powered by JReviews