Análises escritas por Cristiano

12 resultados - mostrando 1 - 12
 
Trail
 
Satisfação Geral 
 
9.0
 
Visual 
 
9.0
Conforto 
 
9.0
Performance 
 
8.0
Dirigibilidade 
 
8.0
Consumo 
 
8.0
Custo x Benefício 
 
9.0
Cristiano Analisado por Cristiano    14 de Outubro de 2012
Analista Top 10  -  

Tive duas 1987 daquela amarela e preta , adorei esta moto tanto como a sahara apesar de não ter partida elétrica .Essa linha de motores 350, sahara e XLX, possuem um pequeno barulho na parte de cima do motor, talvez pela deficiência do sistema de lubrificação do comando e do desgaste da corrente de comando,mas tem como resolver de vez , consulte minha avaliação sobre a sahara.

Eu recomendo!
Prós
Buraco e lombada não existe para esta moto, é seu melhor ponto . A mecânica desde que tratada com peças originais é muito confiável. Um ótimo torque e potência ajudam na velocidade final. Peças do cotidiano são baratas , tais como óleo, freios, pneus etc. É uma moto prazerosa de andar e muito macia! Uma delas coloquei para trilha e cheguei a arriscar uns pulos no motocross, mas é necessário mexer nas suspensões . Consumo na média , com meu peso e tocada média consegue fazer seus 22km/l máximo igual a sahara . Mesmo sendo antiga viajei bastante com ela sozinho e com garupa e foi muito bem.
Contras
Como a suspensão traseira é muito macia com garupa a frente fica muito leve não passando muita segurança . Tanque é pequeno portanto autonomia não é muito boa.Farol não é eficiente . Preço de certas peças originais bem cara . Parte de cima do motor tem ruído característico. Bagageiro apesar de parecer robusto , não é difícil ver uma sem estar soldada ou trincada nessa região. Falta lubrificação no comando , principalmente no último lob , desgastando prematuramente .

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
1987
Tipo de uso
Lazer
Terreno testado
  • Urbano
  • Terra
  • Estrada
  • Pista
Quilometragem
60.000 Km
Manutenção
Dentro do esperado
Custo de Manutenção
Normal
Esta análise foi útil para você? 
Sim (28)Não (6)
Denunciar esta análise
Scooter/Cub
 
Satisfação Geral 
 
8.0
 
Visual 
 
9.0
Conforto 
 
7.0
Performance 
 
7.0
Dirigibilidade 
 
8.0
Consumo 
 
9.0
Custo x Benefício 
 
9.0
Cristiano Analisado por Cristiano    14 de Outubro de 2012
Analista Top 10  -  

Tive duas , uma 1999 e outra 2005. Eu mesmo depois de crescido andava numa boa com ela , faz bem as curvas até raspar , devido a largura do banco ela se torna confortável , fui viajar com garupa e as tralhas de camping pendurada nela por volta de 500km numa boa (detalhe que eu já media 1,92m kkk) , a minha 2005 apresentou um vazamento de óleo perto da região do pinhão com 20000km aproximadamente que ninguém resolveu , foi trocado junta, retentor , eixo e nada e acabei por vender ela assim mesmo .Uma boa moto!

Eu recomendo!
Prós
Econômica, banco largo e confortável,peças baratas e fáceis de encontrar, faz curva até raspar o pedal de freio, resistente .
Contras
Suspensão e vibração da carenagem.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
2005
Tipo de uso
Lazer
Terreno testado
  • Urbano
  • Estrada
Quilometragem
23.000 Km
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Manutenção
Baixo
Esta análise foi útil para você? 
Sim (9)Não (3)
Denunciar esta análise
Scooter/Cub
 
Satisfação Geral 
 
8.0
 
Visual 
 
7.0
Conforto 
 
6.0
Performance 
 
6.0
Dirigibilidade 
 
7.0
Consumo 
 
9.0
Custo x Benefício 
 
9.0
Cristiano Analisado por Cristiano    14 de Outubro de 2012
Analista Top 10  -  

Foi minha segunda moto e me levava para o trabalho todos os dias quando tinha 16 anos, nessa época não ganhava muito bem e dava para sustentar ela tranquilamente, pneu ,óleo e freios eram baratos de se trocar. Era bem ágil na cidade e possuía certa qualidade na sua construção, nos plásticos entre outros.A única coisa que pecava era a suspensão traseira , mesmo com aquela regulagem para duas pessoas ela ainda acusava final de curso. Até que me roubaram...

Eu recomendo!
Prós
Leve , mecânica confiável, consumo baixo, peças não eram caras, fazia bem as curvas.
Contras
Suspensão (principalmente a traseira) , potência e só.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
1997
Tipo de uso
Lazer
Terreno testado
Urbano
Quilometragem
25.000 Km
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Manutenção
Baixo
Esta análise foi útil para você? 
Sim (3)Não (3)
Denunciar esta análise
Trail
 
Satisfação Geral 
 
8.0
 
Visual 
 
7.0
Conforto 
 
7.0
Performance 
 
8.0
Dirigibilidade 
 
7.0
Consumo 
 
6.0
Custo x Benefício 
 
8.0
Cristiano Analisado por Cristiano    14 de Outubro de 2012
Analista Top 10  -  

Tive 3 , 2 foram 1987 e 1 de 1995, das 3 duas foram para trilha e uma ficou para rua mesmo. Posso dizer que pela sua mecânica simples ela acaba por ser de baixo custo. Desde que tenha zelo e faça sempre revisões preventivas passa a ter uma mecânica confiável . Na rua a suspensão cumpre bem o seu papel e apesar da traseira ainda não ser sistema pro link ainda consegue certo conforto para buracos e lombadas. Moto se arrancada rápida devido além de ser 2T , pelo seu peso também. Na trilha era A MOTO , fácil e barato de consertar , tinha bom torque e potência mas se usada no limite trincava o quadro .Nas trilhas era fácil ver maluco pedalando até botar a língua para fora e ela não pegar, pois ela precisa atenção em certos pontos na hora de transformá-la para trilha, não é simplesmente desmontar seta e retrovisor e colocar pneu, ,era necessário vedar caixa de filtro de ar ;também vedar a entrada do cabo de acelerador no pistonete e na junção do cabo do acelerador (onde ocorriam as travadas de acelerador), como poderia ocorrer o travamento do motor pelo problema na bomba de óleo , o mesmo era desligado e o óleo misturado diretamente na gasolina em sua devida proporção . Hoje é difícil demais de achar uma que esteja para rua e original pois a maioria foi para as trilhas, é uma moto que me deixou boas lembranças

Eu recomendo!
Prós
Médio conforto, manutenção barata ,posição de pilotagem,mecânica simples, potência e peso, 2T visual bonito para sua época.
Contras
Consumo razoável, consumo de óleo, cheiro de fumaça na roupa.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
1995
Tipo de uso
Lazer
Terreno testado
  • Urbano
  • Terra
  • Estrada
Quilometragem
50.000 Km
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Manutenção
Baixo
Esta análise foi útil para você? 
Sim (6)Não (3)
Denunciar esta análise
Trail
 
Satisfação Geral 
 
10.0
 
Visual 
 
10.0
Conforto 
 
7.0
Performance 
 
10.0
Dirigibilidade 
 
9.0
Consumo 
 
7.0
Custo x Benefício 
 
9.0
Cristiano Analisado por Cristiano    27 de Setembro de 2012
Atualizado pela última vez: 27 de Setembro de 2012
Analista Top 10  -  

É uma obra de arte em formato de moto , sem palavras! Mas deixo registrado: não é para quem tem coração fraco ;)

Eu recomendo!
Prós
Essa é outra moto que junto com a falcon me deixou saudades, Torque fenomenal , velocidade final muito boa para uma moto desse tipo de terreno, consumo condiz , qualidade da moto em si é altíssima , muito bonita , escapamento de inox evitando aquela aparência de moto velha , o ronco do motor e escape impressiona mesmo com ponteira original, resumindo é um TESÃO .Freio brembo cavalar , aceleração nervosa ,ou seja, acelera muito e freia muito também . Eu já tive XT-600 e posso comparar , me desculpem os saudosistas mas não chega nem perto ,sem brigas,é obvio pela tecnologia , cada uma em sua época. Mas é outra moto , confiável ,forte ,injetada e muito linda. É uma moto alta um ponto positivo pois sou alto,Hj tenho uma Versys mas se fosse ter outra de um cilindro seria ela,entre a BMW e a XT eu vou de XT de olho fechado devido a estupidez que é essa obra de arte!
Contras
Peças relativamente caras, tomei um rola e precisei trocar todo o kit e este é importado da itália por isso é caro. Não gosta de andar em baixa , na cidade vc deve reduzir marchas para ela não ficar "pipocando" mas isto é compensado pela estupidez da aceleração. Não possui conta-giros e o painel é bem simples.Os canos do escapamento ficam muito baixos (embaixo do motor) por isso atravessar pedras nas trilhas e guias altas pode raspar e até soltar o escape na junção.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
2006
Tipo de uso
Lazer
Terreno testado
  • Urbano
  • Terra
  • Estrada
Quilometragem
29.000 Km
Manutenção
Dentro do esperado
Custo de Manutenção
Alto
Esta análise foi útil para você? 
Sim (20)Não (6)
Denunciar esta análise
Trail
 
Satisfação Geral 
 
8.0
 
Visual 
 
8.0
Conforto 
 
7.0
Performance 
 
8.0
Dirigibilidade 
 
8.0
Consumo 
 
5.0
Custo x Benefício 
 
9.0
Cristiano Analisado por Cristiano    27 de Setembro de 2012
Analista Top 10  -  
Eu recomendo!
Prós
Tive uma 1998 em meados de 2007 2008, gostei muito do torque e da robustez , fora a batida do motor que é inigualável ainda mais com um escapamento esportivo.Na minha opinião ela é muito bonita , estilosa e aguenta qualquer terreno.As peças são de altíssima qualidade ainda mais se tratando de motor. Eu fico imaginando quem comprou uma dessas zero km ,deve ser coisa de outro mundo.
Contras
essa foi uma das minha motos que não dei sorte , muita gente fala que nunca quebra ,que é trator ,mas tudo tem sua validade, no meu caso precisei trocar placa de partida que na época paguei 450 paus na concessionária, e também as borrachas dos pistonetes que são uma FORTUNA , o que na minha opinião é o calcanhar das XTs e Teneres ,fora outras muitas peças que precisei trocar. Outro ponto é seu conforto, nota 6,5 , capacidade de tanquexconsumo tbm é razoável. Vibração do motor e velocidade final é ponto fraco mas isso devido a tecnologia da época (já que esse motor é derivado lá da década de 80). Já os que falam que essa é melhor que a 660 deem uma olhada tbm no meu review sobre.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
1998
Tipo de uso
Lazer
Terreno testado
  • Urbano
  • Terra
  • Estrada
Quilometragem
71.000 Km
Manutenção
Difícil de encontrar
Custo de Manutenção
Alto
Esta análise foi útil para você? 
Sim (9)Não (5)
Denunciar esta análise
Street
 
Satisfação Geral 
 
9.0
 
Visual 
 
9.0
Conforto 
 
7.0
Performance 
 
7.0
Dirigibilidade 
 
8.0
Consumo 
 
8.0
Custo x Benefício 
 
8.0
Cristiano Analisado por Cristiano    27 de Setembro de 2012
Atualizado pela última vez: 27 de Setembro de 2012
Analista Top 10  -  

Na minha opinião esta moto se diferencia por ter muita qualidade nos materiais utilizados(o que é difícil em muitas motos por ai) 2 exemplos são o escapamento e a tampa de combustível em aço inox .Fora pintura do tanque diferenciada (a minha 2006 preta) entre outros.

Eu recomendo!
Prós
Tive uma quando lançou em 2006 , Motor e acelerador macio e alguns podem até discordar mas gostava também do ronco deste motor, boa de curvas, para raspar as pedaleiras não precisa de esforço ,painel apesar de feio e muito funcional, mecânica super confiável , econômica e boa posição de pilotagem.
Contras
Falta um pouco de fôlego mas não muito e só!

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
2006
Tipo de uso
Lazer
Terreno testado
  • Urbano
  • Estrada
Esta análise foi útil para você? 
Sim (7)Não (3)
Denunciar esta análise
Scooter/Cub
 
Satisfação Geral 
 
7.0
 
Visual 
 
9.0
Conforto 
 
7.0
Performance 
 
8.0
Dirigibilidade 
 
4.0
Consumo 
 
5.0
Custo x Benefício 
 
5.0
Cristiano Analisado por Cristiano    27 de Setembro de 2012
Analista Top 10  -  
Eu recomendo!
Prós
Tive a PX 200 em 1996 ano 87 e era bem forte , foi minha primeira moto, razoável conforto devido ao banco, estepe salva vidas ,porta luvas e o principal... prazer em pilotar.O escudo protegia bem da chuva leve e a "lataria" era bem forte . Para a época era uma boa moto , mas se for comprar hoje é somente para um rolezinho nos finais de semana e tambem morrer na mão de mecânicos especializados nessa máquina o que não deve ser muito em conta.
Contras
Câmbio ruim para troca de marchas, manutenção de embreagem horrorosa pois precisa abrir o motor ao meio, instável talvez pelo fato das rodas pequenas e suspensões.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
1987
Tipo de uso
Lazer
Terreno testado
Urbano
Quilometragem
79.000 Km
Manutenção
Difícil de encontrar
Custo de Manutenção
Normal
Esta análise foi útil para você? 
Sim (9)Não (3)
Denunciar esta análise
Trail
 
Satisfação Geral 
 
8.0
 
Visual 
 
7.0
Conforto 
 
8.0
Performance 
 
9.0
Dirigibilidade 
 
8.0
Consumo 
 
9.0
Custo x Benefício 
 
10.0
Cristiano Analisado por Cristiano    16 de Setembro de 2012
Analista Top 10  -  

Essa linha de motores 350, sahara e XLX, possuem um pequeno barulho na parte de cima do motor, talvez pela deficiência do sistema de lubrificação do comando e do desgaste da corrente de comando .É resolvido se tirar o descompressor automatico que ela possui e óbvio trocar a corrente de comando (precisa estar com a elétrica em dia pois força um pouco a partida). O comando falta lubrificação principalmente no último lob ,mas ao tirar o descompressor ,é necessário tapar a passagem de óleo que fica aumentando a pressão de óleo que circula por ele,eliminando de vez o problema , mata dois coelhos num tapa só.Das XLX e sahara que tive ,duas precisei trocar o comando de vávulas(que é muito caro) e justamente nesta sahara meu mecânico fez esse gatilho que deixou o motor um espetáculo.Fica a dica.

Eu recomendo!
Prós
Buraco e lombada não existe para esta moto, é seu melhor ponto . É minha segunda moto (possuo tbm uma versys) e uso para o dia-a-dia. A mecânica desde que tratada com peças originais é muito confiável. Um ótimo torque (peso 105 kg) e potência ajudam na velocidade final , que aliás surpreende, já tive falcon e a sahara bate ela em vel.final . Já dei 150km com relação original. Faz curva até raspar o seu pé ou o do garupa. Peças do cotidiano são baratas , tais como óleo, freios, pneus etc. É uma moto prazerosa de andar e o ronco com escapamento original é muito bom , digna de uma mono! Já andei em asfalto, viajei e fiz trilha com garupa pelas bandas do riacho grande-paranapiacaba portanto novamente vem o bom torque . Consumo na média , com meu peso e tocada média consegue fazer seus 22km/l máximo.Apesar de ser antiga ainda é possível encontrar peças na concessionária.
Contras
Como a suspensão traseira é muito macia com garupa a frente fica muito leve não passando muita segurança . Tanque é pequeno portanto autonomia não é muito boa.Farol não é eficiente . Banco curto e com espuma dura . Preço de peças originais bem cara . Parte de cima do motor tem ruído característico (que pode ser sanado , explicarei nos comentários). Bagageiro apesar de parecer robusto , não é;difícil ver uma sahara sem estar soldada ou trincada nessa região. Falta lubrificação no comando , principalmente no último lob , desgastando prematuramente .

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
1996
Tipo de uso
Meio de transporte
Terreno testado
  • Urbano
  • Terra
  • Estrada
Quilometragem
55.000 Km
Manutenção
Dentro do esperado
Custo de Manutenção
Normal
Esta análise foi útil para você? 
Sim (24)Não (3)
Denunciar esta análise
Trail
 
Satisfação Geral 
 
10.0
 
Visual 
 
10.0
Conforto 
 
10.0
Performance 
 
10.0
Dirigibilidade 
 
10.0
Consumo 
 
7.0
Custo x Benefício 
 
10.0
Cristiano Analisado por Cristiano    22 de Agosto de 2012
Atualizado pela última vez: 27 de Dezembro de 2013
Analista Top 10  -  

Essa eu rodei,está com 32000 km fiz São Paulo-Uruguai-Argentina ,São Paulo-Santa Catarina fora outras viagens mais curtas. Mecânica super confiável , na categoria de 1 e 2 cilindros posso chutar alto que é a mais forte (já andei na BM 650 ,na V-Strom, já tive a XT660 e não vem junto ). Faz muita curva com a suspensão bem regulada para seu peso.A bengala invertida passa firmeza na pilotagem.Cheguei a rodar 1000 km num dia só entre Uruguai e Argentina portanto conforto é nota dez,fora suavidade desse motor que é muito dez. Aguenta estrada de chão e praia (aquele trecho entre praia de cananéia e Ilha Comprida coisa linda) mas lama e areia solta nem pensar ,já andei tbm para testar.Apesar de tomar um prejuízo por pagar ágio(época da nacionalização dela) eu recomendo. No meu caso o calcanhar foi a relação , não sei o preço hoje mas no ano passado era 1300 reais e caso for fazer por conta é de difícil instalação pois a corrente passa no meio da balança ,é um pé.... Autonomia é a média ,se tiver um punho pesado ela faz 16km .A bolha ajuda bastante contra vento no peito mas sua regulagem de altura é chatinha de mecher (pode ate ser preciosismo meu).Farol ilumina muito bem,cumpre seu papel. Abraços

Eu recomendo!
Prós
Painel fantástico, ciclística perfeita pois conta com regulagens de retorno e compressão na dianteira e traseira,tecnologia de ponta,o banco "veste" o piloto, motor liso a moto quase não trepida,escapamento não "ferve" o garupa e não deixa fedendo,torque excepcional para não dizer ignorante para uma 650cc e velocidade final razoável.
Contras
Preço de peças nas concessionárias (relação custa mais de 1000 reais---hoje custa 700 na concessionária e 450 no paralelo) e é complicado de trocar,câmbio duro,alguns plásticos da carenagem tendem a vibrar causando um ruído, pneus ON,e os originais não duram muito (Dunlop), o traseiro foi com 8500 km já o michelin foi com 25 mil mais ou menos,portanto já estou no segundo michelin.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
2010
Tipo de uso
Lazer
Terreno testado
  • Urbano
  • Terra
  • Estrada
Quilometragem
32.000 Km
Manutenção
Dentro do esperado
Custo de Manutenção
Alto
Esta análise foi útil para você? 
Sim (58)Não (6)
Denunciar esta análise
Trail
 
Satisfação Geral 
 
10.0
 
Visual 
 
7.0
Conforto 
 
9.0
Performance 
 
8.0
Dirigibilidade 
 
10.0
Consumo 
 
8.0
Custo x Benefício 
 
10.0
Cristiano Analisado por Cristiano    22 de Agosto de 2012
Analista Top 10  -  

Viajei muito com esta moto carregado e garupado, moto muito macia , confortável nota mil, faz muita curva ,mesmo com pneus originais por isso passa confiança, a suspensão com uma regulagem fica dez, só falta autonomia que com 200 a 230 km é bom parar pois ela não passa de 300km e um pouco de velocidade final , cruzeiro com ela carregada vai 110 ,120 km,qualquer passeio de qualquer terreno ela vai bem , essa depois de possuir mais de 20 motos vai deixar saudades!!!!

Eu recomendo!
Prós
Muitos prós, Economia, conforto, confiável,bonita(exceto o farol),encara todo terreno-ciclística, câmbio preciso,marcador de combustível funcional
Contras
Suspensão em geral cede com peso, autonomia , embreagem patina precocemente

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
2005
Tipo de uso
Meio de transporte
Terreno testado
  • Urbano
  • Terra
  • Estrada
Quilometragem
23.000 Km
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Manutenção
Normal
Esta análise foi útil para você? 
Sim (19)Não (6)
Denunciar esta análise
Trail
 
Satisfação Geral 
 
7.0
 
Visual 
 
9.0
Conforto 
 
1.0
Performance 
 
5.0
Dirigibilidade 
 
10.0
Consumo 
 
8.0
Custo x Benefício 
 
7.0
Cristiano Analisado por Cristiano    22 de Agosto de 2012
Analista Top 10  -  

Custo benefício acima da média por ser uma moto confiável e econômica, mas nem pense em pegar estrada , uma CG ML com garupa é capaz de ultrapassá-lo e o que mais peca ... conforto. Abraços

Eu recomendo!
Prós
Dirigibilidade incrível ,Visual satisfatório,consumo bom 33 km (maximo) com 110kg em cima e mecânica super confiável.
Contras
Conforto horroroso por causa do banco estreito e duro , preço de algumas peças muito alto isso quando tem a pronta entrega (jogo de embreagem com campana e tudo o mais,"sensor" mecânico do velocímetro , tanque de combustível),na prática velocidade e torque inferiores aos concorrentes.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
2008
Tipo de uso
Meio de transporte
Terreno testado
  • Urbano
  • Estrada
Quilometragem
20.000 Km
Manutenção
Dentro do esperado
Custo de Manutenção
Alto
Esta análise foi útil para você? 
Sim (4)Não (3)
Denunciar esta análise
12 resultados - mostrando 1 - 12
Powered by JReviews