Análises escritas por Wilson Costa Silva

2 resultados - mostrando 1 - 2
 
Trail
 
Satisfação Geral 
 
10.0
 
Visual 
 
9.0
Conforto 
 
4.0
Performance 
 
7.0
Dirigibilidade 
 
10.0
Consumo 
 
6.0
Custo x Benefício 
 
10.0
Wilson Costa Silva Analisado por Wilson Costa Silva    02 de Julho de 2012
Analista Top 500  -  

Adorava a minha Tornado, me diverti muito com ela! Parceira para qualquer parada, desde andar em boas estradas até encarar alagamentos ou estradas de terra! Uma dica para quem pretende comprar uma, as Tornados fabricadas a partir de 2006 parecem ser um pouco mais econômicas. Digo isto porque tive uma 2005 que nunca passou de 21km/litro e a minha segunda foi uma 2008 que nunca fez menos de 26km/l. Lembrando que a partir de 2006 as Tornados passaram a ter catalisador.

Eu recomendo!
Prós
Suspensão maravilhosa, freios excelentes, um motor bem dimensionado para a proposta da moto, câmbio muito bom (6 marchas),
Contras
Banco estreito e farol.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
2008
Tipo de uso
Utilitário (trabalho)
Terreno testado
  • Urbano
  • Terra
  • Estrada
Quilometragem
32.000 Km
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Manutenção
Baixo
Esta análise foi útil para você? 
Sim (24)Não (0)
Denunciar esta análise
Esportivas
 
Satisfação Geral 
 
9.0
 
Visual 
 
10.0
Conforto 
 
7.0
Performance 
 
8.0
Dirigibilidade 
 
10.0
Consumo 
 
6.0
Custo x Benefício 
 
6.0
Wilson Costa Silva Analisado por Wilson Costa Silva    02 de Julho de 2012
Atualizado pela última vez: 23 de Janeiro de 2013
Analista Top 500  -  

Para quem pretende a médio prazo andar com uma moto esportiva de 600cc ou mais, a Ninjinha é o degrau mais indicado. Apesar de ter um motor pequeno (250cc) ela anda bem, é capaz de chegar aos 160, 170km/h com certa tranquilidade. Também tem um som de motor maravilhoso que instiga a aceleração, além de exigir bastante do piloto o uso do cambio. Acelerador leve, freios potentes, um painel antiquado mas bastante funcional, bons faróis... Se mostra uma ótima opção na categoria 250cc e agora com a chegada da irmã Ninja 300, é encontrada com ótimos preços por aí.

Eu recomendo!
Prós
Moto bonita, bem acabada, bem construída! Tem um comportamento muito bom em retas, deliciosa de fazer curvas, tem um motor valente em médio e alto giro e freios excelentes! Também oferece uma posição de guiar boa, vibra pouco, tem um ótimo cambio e tem um ronco maravilhoso!
Tem também uma excelente autonomia, boa suspensão e uma posição de guiar que favorece mais o conforto e permite viajar por algumas horas a mais sem ficar com as costas doendo.
Contras
Em giros mais baixos a moto é extremamente fraca! Penso eu que deve ser mais fraca que uma 125cc, broxante mesmo! O motor tem este comportamento até as 5000rpm. Daí até as 7500rpm o motor dá uma acordada e depois disso, é um pulo para se chegar aos 14000rpm onde o motor se transforma radicalmente, até o barulho no escapamento é diferente! Por essa característica do motor, fica complicado andar com ela na cidade, em especial com transito pesado já que as retomadas sempre exigem o uso do câmbio nas reduções.
Também é péssima para se levar garupa a menos que você queira castigar sua sogra!
Os retrovisores tem um campo de visão bastante limitado e quando totalmente abertos pegam facilmente nos carros se o piloto resolver usar os corredores no transito pesado das cidades.
Por último, os pneus originais são péssimos na chuva.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
2009
Tipo de uso
Lazer
Terreno testado
  • Urbano
  • Estrada
Quilometragem
4.250 Km
Manutenção
Dentro do esperado
Custo de Manutenção
Normal
Esta análise foi útil para você? 
Sim (13)Não (1)
Denunciar esta análise
2 resultados - mostrando 1 - 2
Powered by JReviews