CB 300R CB 300R Quente

64 resultados - mostrando 1 - 20 1 2 3 4
Ordenar 
 
Satisfação Geral 
 
5.0
 
Visual 
 
6.0
Conforto 
 
4.0
Performance 
 
6.0
Dirigibilidade 
 
6.0
Consumo 
 
7.0
Custo x Benefício 
 
7.0
Ueslei Camelo Barbosa Analisado por Ueslei Camelo Barbosa    28 de Julho de 2012
Analista Top 500  -   Ver todas as minhas análises

Senhores, para quem gosta do estilo street, não deixe de conhecer a concorrência, inclusive as importadas.

Não recomendo.
Prós
Preço em relação a outros modelos da categoria, considerando que é uma moto Honda (que goza de alto prestígio na hora da revenda), o design ainda é atual e pra quem tem uma tocada suave, ela consegue ser econômica (consigo média de 31 km/l com a minha).
Contras
Suspensão: é inacreditável o quanto a suspensão dessa moto é dura. Parece que a moto foi idealizada para rodar em países cujo asfalto é sem buracos, aqui, na buracolândia chamada Brasil, é inaceitável um ajuste de suspensão tão duro assim.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Menos de um ano
Ano de Fabricação
2011
Tipo de uso
Meio de transporte
Terreno testado
Urbano
Quilometragem
16.000 Km
Esta análise foi útil para você? 
Sim (56)Não (17)
Denunciar esta análise
Satisfação Geral 
 
9.0
 
Visual 
 
10.0
Conforto 
 
10.0
Performance 
 
9.0
Dirigibilidade 
 
10.0
Consumo 
 
9.0
Custo x Benefício 
 
10.0
Carlos Alexandre Heidrich Analisado por Carlos Alexandre Heidrich    23 de Maio de 2012
Atualizado pela última vez: 30 de Dezembro de 2013
Analista Top 1000  -   Ver todas as minhas análises

O motor poderia ter 2 cilindros assim como a Ninja 250R. A ponteira poderia ser esportiva de fábrica ou pelo menos não ser quase uma "aberração" na lateral da moto. É preciso tomar cuidado nas estradas de chão batido, pois a moto tem muita potência nas 3 primeiras marchas e costuma patinar e jogar a traseira para os lados se você não dosar a mão no acelerador. É uma moto que não tem dificuldades para ultrapassar. Nas subidas, as 300cc não deixam você baixar marcha como acontece com as motos 125/150. Durante viagens longas, o cansaço demora à bater. Depois que provei o freio C-ABS, nunca mais comprarei uma moto sem ABS, ele é fantástico e pode com certeza evitar muitos acidentes. Um conselho aos amigos motociclistas: compre motos com freio ABS. Você vai gastar uns R$2.000,00 ou R$3.000,00 a mais, mas posso lhes garantir que vale cada centavo que você investiu. Eles já me salvaram de várias situações de perigo.

Eu recomendo!
Prós
Excelente para o dia-a-dia na cidade.
Potência excelente para subidas e ultrapassagens rápidas, mesmo com garupa.
Freios C-ABS.
Painel com conta-giros analógico, velocímetro, odômetro total/parcial e marcador de combustível digitais.
Boa de curva.
Contras
Ponteira de escapamento muito feia. Exibe todas as soldas realizadas em sua montagem e é um pouco desproporcional em relação a moto.
Protetor de escape pode ferir as mãos durante a lavagem da moto.
Motor monocilíndrico.
Velocidade final baixa(Não passa dos 150Km/h)
A parte de cima do motor, o bacalhau, as canelas e os "puta-merdas" mancham quando não lavados somente com água e sabão neutro.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
2011
Tipo de uso
Meio de transporte
Terreno testado
  • Urbano
  • Terra
  • Estrada
  • Pista
Quilometragem
10.000 Km
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Manutenção
Normal
Esta análise foi útil para você? 
Sim (51)Não (11)
Denunciar esta análise
Satisfação Geral 
 
8.0
 
Visual 
 
8.0
Conforto 
 
8.0
Performance 
 
9.0
Dirigibilidade 
 
9.0
Consumo 
 
8.0
Custo x Benefício 
 
6.0
Felipe Luiz Ramos Analisado por Felipe Luiz Ramos    14 de Agosto de 2012
Analista Top 10  -   Ver todas as minhas análises

OPINIÃO DE QUEM JÁ TEVE TWISTER E JÁ ANDOU DE FAZER

Em primeiro lugar a CB300 é uma Twister com cinco marchas, injeção eletrônica e mais cilindrada. Ao sentar na moto percebi que se tratava de uma Twister, pois o chassi é o mesmo, os comandos, o guidão e a posição de pilotagem são idênticos. Creio que o correto seria chamá-la de cbX 300.

O banco deveria ser mais envolto, ele acaba justamente no começo do tanque, sendo muito desconfortável. Isso aliado a suspensão traseira seca, fica complicado. O que salva é a suspensão dianteira que tem um curso mais longo que o normal, ajudando na absorção de impactos diretos.

O visual dela é questionável, pois ela tenta ser igual a Hornet, mas com um acabamento tosco. O que são aquelas carenagens em plástico rústico na cor preta? O que são aquelas alças do garupa e as pedaleiras em alumínio bruto? Pelo preço deveria ter a carenagem na mesma cor da moto e as peças em alumínio deveriam ser polidas. A posição das setas dianteiras são inadequadas, pois ficam abaixo do farol, quando o mais seguro e correto seria ficar na parte de cima. Sem falar que as setas são da CG, quando poderiam muito bem ter o mesmo desenho da Hornet, mas a Honda acaba sempre entregando pouco por muito. Revoltante!

A performance deixa a desejar, pois era espero um desempenho muito superior ao apresentado. O que engana são as três primeiras marchas que são bem curtas, dando a impressão de um motor super forte, mas é pura ilusão. Suas retomadas são boas, mas nada que se distancie das concorrentes. A velocidade final acaba sendo a mesma da Twister, pois os 26cv e a quinta marcha mais longa não dão conta do recado, falta um conjunto mais eficiente. Com garupa perde-se muito desempenho.

O custo x benefício é muito ruim. Cobra-se muito por marca, uma coisa irracional. Pelo preço deveria vir com protetores de bengala, painel com mais funções, suspensões reguláveis, acabamento mais cuidado, lanterna em LED e comando de punho mais moderno e completo.

Por que não recomendo? Porque a Twister cumpre melhor o papel desta categoria, pois trata-se da mesma moto. A CBX300 tem mais arrancada e retomada, velocidade final e consumo iguais. Para uso urbano seria mais interessante a CBX300, mas para estrada o certo é ficar com a Twister. No entanto, o preço refere-se mais pela marca, pois o consumidor não recebe o "prometido" que a moto insinua. É aquela coisa, na cidade é Fazer, na estrada é Twister ou Comet.

Não recomendo.
Prós
- Motor mais torcudo e com quatro válvulas;
- Câmbio muito macio e preciso;
- Curso da suspensão dianteira;
- Quinta marcha um pouco mais longa.
Contras
- Consumo;
- Relação das três primeiras marchas muito curta(mais que a Fazer);
- Suspensão traseira simples e seca(monochoque igual da Bros);
- Acabamento tosco(carenagem de plástico rústico na cor preta, pedaleiras e alça do garupa em alumínio bruto);
- Desempenho aquém da cilindrada;
- Posição de pilotagem;
- Velocímetro muito pequeno;
- Falta de mais itens de série.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Dei umas voltas
Ano de Fabricação
2010
Tipo de uso
Lazer
Terreno testado
Urbano
Esta análise foi útil para você? 
Sim (49)Não (22)
Denunciar esta análise
Satisfação Geral 
 
6.0
 
Visual 
 
8.0
Conforto 
 
5.0
Performance 
 
8.0
Dirigibilidade 
 
10.0
Consumo 
 
9.0
Custo x Benefício 
 
5.0
Lucas Martins Analisado por Lucas Martins    16 de Junho de 2012
Analista Top 100  -   Ver todas as minhas análises
Não recomendo.
Prós
Ótima na cidade, mas a Yamaha Fazer é mais confortável e compatcta.
Torque
Peças baratas e fácil de encontrar mecânicos para ela.
Conjunto óptico
Contras
Cambio mal escalado.
O terrível dilema do vazamento de óleo (a minha vazou na tampa de válvulas, cabeçote e bloco)
Banco péssimo tanto para o piloto quanto para o garupa.
Desvalorização acelerada (não que abaixe o preço da tabela fipe, mas para vender no $$ você perde muitot dinheiro)
Relação barulhenta.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
2010
Tipo de uso
Meio de transporte
Terreno testado
  • Urbano
  • Terra
  • Estrada
Quilometragem
15.000 Km
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Manutenção
Normal
Esta análise foi útil para você? 
Sim (41)Não (20)
Denunciar esta análise
Satisfação Geral 
 
8.0
 
Visual 
 
7.0
Conforto 
 
8.0
Performance 
 
8.0
Dirigibilidade 
 
8.0
Consumo 
 
7.0
Custo x Benefício 
 
8.0
Paulo Augusto Analisado por Paulo Augusto    17 de Maio de 2012
  -   Ver todas as minhas análises
Eu recomendo!
Prós
Rede de autorizada, tem bom torque, boa de curva, robusta comparada as concorrentes. Moto corre muito.
Contras
Consumo de 20Km/l, freio traseiro a tambor (foi colocado a disco na 2012), se andar na reserva queima a bomba de combustível, vazamento de óleo pela parte de cima do cabeçote.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Menos de um ano
Ano de Fabricação
2011
Tipo de uso
Meio de transporte
Terreno testado
  • Urbano
  • Estrada
Quilometragem
4.083 Km
Esta análise foi útil para você? 
Sim (33)Não (10)
Denunciar esta análise
Satisfação Geral 
 
6.0
 
Visual 
 
8.0
Conforto 
 
8.0
Performance 
 
10.0
Dirigibilidade 
 
8.0
Consumo 
 
7.0
Custo x Benefício 
 
7.0
Thiago Moreno Analisado por Thiago Moreno    27 de Junho de 2012
Analista Top 10  -   Ver todas as minhas análises

Passei um dia com essa moto e achei interessante a evolução em relação à antiga Twister, com adoção da injeção eletrônica e visual mais interessante. A moto responde bem ao acelerador e faz curvas sem medo. O problema é que a Yamaha Fazer faz tudo isso, é mais barata e nem tão visada para roubos quanto o modelo da Honda.

Não recomendo.
Prós
Desempenho
Dirigibilidade
Contras
Preço
Índice de furtos e roubos
Acabamento

Condição do Teste

Tempo de Uso
Dei umas voltas
Ano de Fabricação
2010
Tipo de uso
Lazer
Terreno testado
Pista
Esta análise foi útil para você? 
Sim (31)Não (26)
Denunciar esta análise
Satisfação Geral 
 
7.0
 
Visual 
 
7.0
Conforto 
 
7.0
Performance 
 
8.0
Dirigibilidade 
 
8.0
Consumo 
 
7.0
Custo x Benefício 
 
8.0
Marco Aurelio Analisado por Marco Aurelio    31 de Julho de 2012
Atualizado pela última vez: 31 de Julho de 2012
Analista Top 50  -   Ver todas as minhas análises

A CB300 se tornou uma referência na categoria,
mas hoje, visto as concorrentes, se tornou uma moto ultrapassada
motor com pouca tecnologia e visual batido demais

Ela talvez seja a mais mediana,
mas para uso urbano a FAZER YAMAHA é mais confortável e mais econômica
para uso em pista ou estrada, a KASINSKI COMET, é muito superior em desempenho
e partindo da visão geral a NEXT é mais moderna tanto visualmente quanto tecnologicamente

A CB é uma boa moto,
mas hoje não recomendo, visto as melhores opções que encontramos na categoria
além de ser a mais atrasa, ela ainda é a mais cara da categoria

Não recomendo.
Prós
Boa Dirigibilidade;
Ótimo torque em baixa;
Painel Bonito,
Boa revenda, por ser uma honda.
Contras
Visual muito batido;
Excesso de trepidação em alto giro;
Motor desatualizado, visto as concorrentes;
Vazamento de óleo crônico (algumas);
Barulho da relação, herdado ainda da honda strada;
Alto índice de roubos
Valor alto demais pelo que oferece;

Condição do Teste

Tempo de Uso
Dei umas voltas
Ano de Fabricação
2009
Tipo de uso
Lazer
Terreno testado
  • Urbano
  • Pista
Esta análise foi útil para você? 
Sim (29)Não (15)
Denunciar esta análise
Satisfação Geral 
 
4.0
 
Visual 
 
4.0
Conforto 
 
4.0
Performance 
 
4.0
Dirigibilidade 
 
4.0
Consumo 
 
3.0
Custo x Benefício 
 
3.0
Daniel Silva Analisado por Daniel Silva    04 de Agosto de 2012
Atualizado pela última vez: 08 de Julho de 2013
  -   Ver todas as minhas análises

Pedal de freio traseiro muito alto; Pedaleiras traseira muito proximas as pedaleiras dianteiras

Não recomendo.
Prós
Dá pau em Twister e dependendo do braço até em Falcon! hehehehehe. Com esse comentário vai ter dono de twister e falcon negativando minha opinião, mas fazer o que, é verdade!
Contras
Péssimo pós venda! consessionárias e a propria Honda nos dá as costas quando acionamos a garantia.
A minha CB 300 veio com uma falha no quadro, na rabeta, onde um dos parafusos que sustenta a rabeta esta espanado e acabou caindo, com isso a rabeta se soltou e acabou se quebrando, perdendo encaixe e batendo muito. Na concessionária Golden Motos de Guaratinguetá tiraram umas fotos enviaram pra honda, e as duas acabaram me dando as costas. Se tivessem desmontado a rabeta veriam o problema, descobri porque eu mesmo desmontei.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Menos de um ano
Ano de Fabricação
2012
Tipo de uso
Lazer
Terreno testado
  • Urbano
  • Estrada
Quilometragem
5.000 Km
Esta análise foi útil para você? 
Sim (24)Não (25)
Denunciar esta análise
Satisfação Geral 
 
3.0
 
Visual 
 
5.0
Conforto 
 
2.0
Performance 
 
3.0
Dirigibilidade 
 
5.0
Consumo 
 
5.0
Custo x Benefício 
 
1.0
Ivan M. Xavier Analisado por Ivan M. Xavier    20 de Agosto de 2012
Analista Top 500  -   Ver todas as minhas análises
Não recomendo.
Prós
Bonita, boa autonomia para uma moto de baixa cilindrada. Econômica: em média 25Km/L. Deslocamento fácil entre os carros em trânsito pesado (metrópole).
Contras
Suspensão ruim. Apresentou vazamento na junta do cabeçote. Com 4mil km queimou a bomba de gasolina (trocada na garantia).
05 marchas: 01 a menos que sua antecessora. Desvalorização rápida na revenda.
300cc com apenas 26Cv (fraca).
Manutenção cara nas concessionárias.
Pedaleiras bem recuadas, pilotagem péssima com garupa (os pés do piloto e garupa encostam toda hora).

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
2010
Tipo de uso
Meio de transporte
Terreno testado
  • Urbano
  • Estrada
Quilometragem
20.000 Km
Manutenção
Dentro do esperado
Custo de Manutenção
Alto
Esta análise foi útil para você? 
Sim (23)Não (10)
Denunciar esta análise
Satisfação Geral 
 
10.0
 
Visual 
 
10.0
Conforto 
 
10.0
Performance 
 
10.0
Dirigibilidade 
 
10.0
Consumo 
 
10.0
Custo x Benefício 
 
10.0
Cristiano Passos Vilarino Analisado por Cristiano Passos Vilarino    30 de Julho de 2012
  -   Ver todas as minhas análises

Quando fui comprar a Honda CB300R, pesquisei muito e tinha mais qualidades do que problemas... alias, tudo que se compra hoje, pode vir com problemas... a Minha CB300 teve vazamento de Oleo, mas fui muito bem atendido na Concessionaria e resolveram o problema muito rápido... Estou muito satisfeito com a Marca, é a minha 1º Honda e se fosse trocar de moto hoje, seria outra da mesma marca. No mais, a moto é muito boa, Recomendo para futuros proprietários...

Eu recomendo!
Prós
Bom Torque
Designer das motos Maiores da Marca
Economica
Manutenção Barata
Autonomia
Valor de Revenda
Peças mais baratas
Grande quantidade de Concessionarias
Tradição da Marca
Contras
Suspenção um pouco dura
C-ABS devia ser de serie
Preço poderia ser um pouco mais baixo

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
2011
Tipo de uso
Utilitário (trabalho)
Terreno testado
  • Urbano
  • Estrada
  • Pista
Quilometragem
22.000 Km
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Manutenção
Normal
Esta análise foi útil para você? 
Sim (21)Não (10)
Denunciar esta análise
Satisfação Geral 
 
10.0
 
Visual 
 
10.0
Conforto 
 
9.0
Performance 
 
9.0
Dirigibilidade 
 
8.0
Consumo 
 
6.0
Custo x Benefício 
 
7.0
REGINALDO JUNIOR Analisado por REGINALDO JUNIOR    01 de Agosto de 2012
  -   Ver todas as minhas análises

.

Eu recomendo!
Prós
Moto muito boa para pequenas viagens , atende todos os requisitos para andar no limite da velocidade permitida 110-120
Muito confortável para a garua (minha namorada que diga hahaha ).
Posição de Pilotagem é gostoso
O Torque dela é incrível !
Muitos reclamam que a CB não é muito boa pra curvas , mas eu acho que ela entra bem nas curvas sim
Contras
Posição de pilotagem para longas viagens se torna cansativo pois é mais esportiva
O Consumo não é dos melhores , a minha faz em media 20-21 , pois ando sempre moderadamente , forçando um pouco !
A vibração é complicada , a carenagem do farol vibra um pouco .

Condição do Teste

Tempo de Uso
Menos de um ano
Ano de Fabricação
2011
Tipo de uso
Lazer
Terreno testado
  • Urbano
  • Estrada
  • Pista
Quilometragem
5.000 Km
Esta análise foi útil para você? 
Sim (17)Não (7)
Denunciar esta análise
Satisfação Geral 
 
6.0
 
Visual 
 
6.0
Conforto 
 
4.0
Performance 
 
6.0
Dirigibilidade 
 
8.0
Consumo 
 
8.0
Custo x Benefício 
 
7.0
Milton Tadeu Teixeira Analisado por Milton Tadeu Teixeira    29 de Agosto de 2012
Analista Top 500  -   Ver todas as minhas análises

Vendi a minha e não tenho saudades, lazer em viagens não foi possível, muita vibração.

Não recomendo.
Prós
Bonitinha, bom acabamento, bom consumo e dirgibilidade. É econômica na cidade, mas se for para a estrada e andar rápido o consumo não compensa.
Contras
Trepida de mais em viagens, um cilindro só faz a moto vibrar demais, o banco é cansativo, falta conforto, só serve para trajetos curtos. Os vazamentos no motor nunca foram arrumados.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
2010
Terreno testado
  • Urbano
  • Estrada
Quilometragem
6.000 Km
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Manutenção
Alto
Esta análise foi útil para você? 
Sim (17)Não (8)
Denunciar esta análise
Satisfação Geral 
 
10.0
 
Visual 
 
10.0
Conforto 
 
8.0
Performance 
 
10.0
Dirigibilidade 
 
10.0
Consumo 
 
10.0
Custo x Benefício 
 
10.0
Fernando Possari Analisado por Fernando Possari    10 de Setembro de 2012
Analista Top 1000  -   Ver todas as minhas análises

Em relação ao seu consumo ela até é econômica, faz normalmente cidade/estrada entre 23 a 26km/l, digo econômica por causa de sua baixa taxa de compressão 9/1 (comparada a sua concorrente direta, a Yamaha Fazer, 9,8/1). Houve vezes que já consegui fazer 31km/l andando bem na manha e também espantosos 17,7km/l, mas sempre acima das 8000rpm.

Eu recomendo!
Prós
A CB300 faz jus a sua proposta de urbana, com muita agilidade com seu cambio escalonado pro uso predominante urbano, mas na estrada também não faz feio, mantem-se a velocidade máxima permitida tranquilamente e com um pouco de fôlego para ultrapassagens até 130km/h. Em questão de vazamentos a minha moto tambem foi assolada por este mal, tampa do filtro de óleo e depois junta do cabeçote, porem os dois casos foram solucionados pela Concessionária. Os dois casos ocorreram antes dos 5 mil km, hoje aos 24 mil km nunca mais.
A minha ainda é freio a tambor na traseira, um retrocesso frente as demais, mas pra sua finalidade que é frenagem cumpre seu papel!
Excelente em estabilidade e agiliadde em curvas tanto curvas em alta e curvas em baixa podendo entrar sem dó nem piedade!
Contras
Mesmo gostando demais da moto eu tenho que ser verdadeiro em dizer que na questão de conforto por causa da sua suspenção ela deixa um pouco a desejar, principalmente depois de 2 horas de viagem, os pneus ficam mais duros aí sim você sente como ela é seca e por fim a vibração excessiva depois dos 7000rpm, por isso nota 8 em conforto.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
2010
Tipo de uso
Meio de transporte
Terreno testado
  • Urbano
  • Terra
  • Estrada
  • Pista
Quilometragem
24.000 Km
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Manutenção
Baixo
Esta análise foi útil para você? 
Sim (15)Não (2)
Denunciar esta análise
Satisfação Geral 
 
6.0
 
Visual 
 
7.0
Conforto 
 
5.0
Performance 
 
6.0
Dirigibilidade 
 
7.0
Consumo 
 
7.0
Custo x Benefício 
 
6.0
Daniel Barbieri Analisado por Daniel Barbieri    29 de Dezembro de 2012
Analista Top 500  -   Ver todas as minhas análises

A moto quica igual um cabrito, Suspensão traseira dura e desconfortável somado ao banco mal projetado torna a moto um incomodo perto de outros modelos.
Motor adaptado a Twister com problemas crônicos, andei em uma moto que teve seu motor aberto aos 9000,00 e foi vendida a preço de banana.
Em seu lançamento a Honda prometia e divulgava que a relação não era a mesma barulhenta da TW, continua a mesma coisa...parece uma moto velha de tanto barulho do kit de relação. Horrível, vergonhoso para a Honda.
Depois de muito pesquisar e andar em várias, comprei uma Fazer e não troco pelo CB300. Onde a Honda perde a Fazer lhe garante. Em relação aos lançamentos, as duas estão atrasadas no mercado. Hoje motor monocilíndrico só para 125 ou 150cc...Acorda Honda!

Não recomendo.
Prós
Fácil manutenção e peças.
Boa pilotagem em curvas.
Painel de fácil visualização.
Posição de Pilotagem.
Contras
Suspensão traseira.
Motor vazando óleo.
Relação barulhenta.
Banco desconfortável.
Visada para roubos.
Escape mal acabado.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Dei umas voltas
Ano de Fabricação
2011
Tipo de uso
Meio de transporte
Terreno testado
  • Urbano
  • Terra
Esta análise foi útil para você? 
Sim (14)Não (6)
Denunciar esta análise
Satisfação Geral 
 
10.0
 
Visual 
 
10.0
Conforto 
 
8.0
Performance 
 
9.0
Dirigibilidade 
 
10.0
Consumo 
 
9.0
Custo x Benefício 
 
9.0
Wellington Fernando Analisado por Wellington Fernando    29 de Setembro de 2012
  -   Ver todas as minhas análises

As revisões estão dentro do preço em Goiânia sendo R$ 57,00 de 1.000, R$57,00 de 4.000. R$120,00 de 8.000, R$250,00 de 12.000 e R$130,00 de 18.000. Executei uma analise das concorrente Dafra e Fazer todos ficaram mais cara, sendo só a de 12.000 que ficou no mesmo preço...

Eu recomendo!
Prós
Boa dirigibilidades
Boa aceleração em comparação com Fazer 250, Dafra 250, sendo DOCH e as demais OCH
Contras
Suspensão meio dura

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
2012
Tipo de uso
Meio de transporte
Terreno testado
  • Urbano
  • Terra
  • Estrada
Quilometragem
4.000 Km
Manutenção
Dentro do esperado
Custo de Manutenção
Normal
Esta análise foi útil para você? 
Sim (12)Não (4)
Denunciar esta análise
Satisfação Geral 
 
9.0
 
Visual 
 
9.0
Conforto 
 
9.0
Performance 
 
10.0
Dirigibilidade 
 
10.0
Consumo 
 
9.0
Custo x Benefício 
 
9.0
Mauricio Fontes Analisado por Mauricio Fontes    05 de Julho de 2012
  -   Ver todas as minhas análises

Não é uma moto perfeita porém, dentro das possibilidades de uma 300cc e baseado naquilo que a moto se propõe, concluo que é uma ótima/excelente moto.

Eu recomendo!
Prós
Desempenho de ótimo/excelente dentro da cilindrada e do que a moto se propõe. Muito boa em viagens e também na cidade.
Contras
Consumo

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
2011
Tipo de uso
Lazer
Terreno testado
  • Urbano
  • Estrada
Quilometragem
7.000 Km
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Manutenção
Normal
Esta análise foi útil para você? 
Sim (12)Não (5)
Denunciar esta análise
Satisfação Geral 
 
9.0
 
Visual 
 
9.0
Conforto 
 
8.0
Performance 
 
9.0
Dirigibilidade 
 
9.0
Consumo 
 
10.0
Custo x Benefício 
 
9.0
Marcos Rodrigues Analisado por Marcos Rodrigues    31 de Julho de 2012
Analista Top 500  -   Ver todas as minhas análises
Eu recomendo!
Prós
Moto ágil para o dia a dia, e bom desempenho para viajar
Na minha 2010 ABS consumo em viagem chegou a 29Km/l acima do informado pela cc
Visual diferente, fácil de achar peças para manutenção
Contras
Viagens longas pedem paradas para dar uma esticada nas penas

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
2010
Tipo de uso
Lazer
Terreno testado
  • Urbano
  • Estrada
Quilometragem
24.000 Km
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Manutenção
Normal
Esta análise foi útil para você? 
Sim (12)Não (1)
Denunciar esta análise
Satisfação Geral 
 
9.0
 
Visual 
 
9.0
Conforto 
 
9.0
Performance 
 
8.0
Dirigibilidade 
 
9.0
Consumo 
 
8.0
Custo x Benefício 
 
9.0
Dilson Avila Analisado por Dilson Avila    14 de Agosto de 2012
Atualizado pela última vez: 18 de Setembro de 2012
  -   Ver todas as minhas análises
Eu recomendo!
Prós
Rede de autorizada, tem bom torque, boa de curva. Moto responde bem a aceleração.
Contras
Um pouco do consumo.
Falta do ABS de série.
Falta da 6 Marcha.

Condição do Teste

Tempo de Uso
Menos de um ano
Ano de Fabricação
2012
Tipo de uso
Meio de transporte
Terreno testado
  • Urbano
  • Pista
Quilometragem
2.000 Km
Esta análise foi útil para você? 
Sim (11)Não (4)
Denunciar esta análise
Satisfação Geral 
 
9.0
 
Visual 
 
10.0
Conforto 
 
9.0
Performance 
 
8.0
Dirigibilidade 
 
9.0
Consumo 
 
7.0
Custo x Benefício 
 
5.0
Rafael Oliveira Analisado por Rafael Oliveira    18 de Agosto de 2012
Analista Top 50  -   Ver todas as minhas análises
Eu recomendo!
Prós
Equilibrada , potencia do motor otimo , otimo torque em baixa , peças baratas e faceis de achar para comprar
Contras
Vazamento no cabeçote , Posição de pilotagem para longas viagens é cansativo , vibra muito em alta rotação

Condição do Teste

Tempo de Uso
Menos de um ano
Ano de Fabricação
2009
Tipo de uso
Meio de transporte
Terreno testado
  • Urbano
  • Estrada
  • Pista
Quilometragem
21.667 Km
Esta análise foi útil para você? 
Sim (11)Não (2)
Denunciar esta análise
Satisfação Geral 
 
8.0
 
Visual 
 
9.0
Conforto 
 
8.0
Performance 
 
6.0
Dirigibilidade 
 
10.0
Consumo 
 
7.0
Custo x Benefício 
 
8.0
Marcelo Caris de Rezende Analisado por Marcelo Caris de Rezende    18 de Agosto de 2012
Analista Top 50  -   Ver todas as minhas análises

Ótima moto para o uso urbano, tem bastante torque e ótima aceleração, mas pela falta da 6ª marcha o motor gira muito alto na estrada para manter os 100km/h o que gera mais consumo em rodovia do que a minha antiga CBX250 Twister.

Eu recomendo!
Prós
Ótima moto com preço acessível e com ótimo pós venda. A moto é muito bonita e bem acabada, como qualquer outra honda.
Contras
Falta da 6 marcha, uso a minha moto sempre em rodovias e a 100km/h o motor gira em 7000rpm sendo que o máximo é 9000rpm. Mesmo com injeção eletrônica minha antiga Twister era mais econômica na estrada, mas na cidade a CB300 é mais econômica!

Condição do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Ano de Fabricação
2011
Tipo de uso
Lazer
Terreno testado
  • Urbano
  • Estrada
Quilometragem
5.000 Km
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Manutenção
Normal
Esta análise foi útil para você? 
Sim (11)Não (3)
Denunciar esta análise
64 resultados - mostrando 1 - 20 1 2 3 4
 
Powered by JReviews